São Paulo divulga ranking ambiental dos municípios paulistas

“Ação local por uma causa global” traz avanços nas políticas ambientais do Estado.

Comentar
Compartilhar
19 DEZ 201212h07

O governador Geraldo Alckmin e o secretário estadual do Meio Ambiente, Bruno Covas, divulgaram nesta terça-feira (18) o ranking ambiental dos municípios paulistas de 2012. Os 645 municípios de São Paulo são avaliados pelas ações promovidas na agenda ambiental.

“O Estado de São Paulo é forte porque os nossos municípios são fortes. No mundo moderno, os governos locais são os governos que mais crescem porque estão mais próximos da população e a certificação é uma forma de incentivar os municípios a melhorarem as suas metas de desempenho na área ambiental”, afirmou Alckmin.

O certificado de Município Verde Azul garante à administração municipal a prioridade na captação de recursos junto ao Governo do Estado, por meio do Fundo Estadual de Prevenção e Controle da Poluição – FECOP. Em 2011, os 50 mais bem colocados receberam recursos para compra de equipamentos.

Alckmin diz que cuidar do meio ambiente é ser generoso com as novas gerações. (Foto: Divulgação)

Avaliação

Os municípios recebem uma nota ambiental, que avalia o seu desempenho em dez diretivas que regem o Programa Município Verde Azul. Foram avaliadas ações nas áreas: esgoto tratado, lixo, recuperação da mata ciliar, arborização urbana, educação ambiental, habitação sustentável, uso da água, poluição do ar, estrutura ambiental e conselho de meio ambiente.

A SMA também manteve a premiação da edição anterior: o Prêmio Franco Montoro, para os 19 municípios melhores colocados em suas bacias hidrográficas. Os interlocutores dos municípios que obtiveram nota acima de 80 também foram homenageados.

Veja a lista de municípios certificados em 2012: http://saopaulo.sp.gov.br/usr/share/documents/390.pdf

Município Verde Azul

Lançado em junho de 2007, o Município Verde Azul tem como principal proposta descentralizar a agenda ambiental paulista, considerando que a base da sociedade está nos municípios.

Em 2008, na divulgação do primeiro ranking, 44 municípios alcançaram nota igual ou superior a 80. Em 2009, foram 168. Já, em 2010, 144 municípios receberam a certificação. Na edição de 2011, 159 cidades foram premiadas. O objetivo do Programa é descentralizar a política ambiental, ganhando eficiência na gestão ambiental e valorizando a base da sociedade.