Presidente do parlamento da Venezuela viaja para visitar Chávez

Diosdado Cabello viajou à Cuba para juntar-se ao vice-presidente e outros membros do governo em visita ao presidente venezuelano Hugo Chávez.

Comentar
Compartilhar
03 JAN 201314h43

 O presidente da Assembleia Nacional da Venezuela, Diosdado Cabello, viajou para Cuba para se juntar ao vice-presidente e a outros membros do governo no leito do presidente Hugo Chávez, publicou um jornal venezuelano. Cabello "viajou na quarta-feira à tarde para Havana", segundo o jornal pró-governo Últimas Noticias. "Não se sabe qual motivo levou Cabello a fazer a visita", afirmou o diário.

A capital cubana se tornou o centro das decisões sobre o futuro do governo da Venezuela, visto que a posse do governo de Chávez em 10 de janeiro está se aproximando. A constituição venezuelana exige novas eleições dentro de 30 dias se o presidente eleito não for capaz de assumir o poder. E, sob a constituição, nesta condição, o presidente do parlamento se torna o presidente interino.

Chávez foi submetido a uma cirurgia para a retirada de um tumor maligno na região pélvica, no último dia 11. (Foto: Divulgação)

O governo forneceu apenas fragmentos de informações sobre a batalha de Chávez contra o câncer desde que a doença foi detectada por médicos cubanos em junho de 2011. Além disso, o governo não declarou qual tipo de câncer foi diagnosticado.

O irmão mais velho de Chávez, Adan, chegou a Havana na quarta-feira, segundo Jorge Arreaza, genro do presidente e ministro da Ciência e Tecnologia. "Vamos nos encontrar com ele, com Maduro e com a procuradora-geral, Cilia Flores", disse Arreaza em uma mensagem postada no Twitter.

Três semanas depois de Chávez ser submetido à quarta cirurgia por causa do câncer em Havana, o governo de esquerda enfrenta uma pressão crescente para colocar em prática o processo organizado de sucessão de poder. As informações são da Dow Jones