Prefeitura de Cubatão realiza pagamento à Marvin na terça

Empresa acordou pagamento de dois meses de salários atrasados e mais o 13º a seus funcionários na próxima terça-feira (18).

Comentar
Compartilhar
14 DEZ 201217h00

Na próxima terça-feira (18) a Prefeitura realizará um pagamento de cerca de R$ 2,2 milhões à Marvin Segurança Patrimonial, empresa de vigilância contratada pela municipalidade, o que garantirá, conforme acordo entre as partes, o pagamento de dois meses de salários atrasados e o décimo-terceiro salário dos funcionários da empresa.

Trata-se de mais um resultado positivo no esforço que o Governo Municipal desenvolve, para vencer a crise financeira que a Prefeitura tem atravessado nos últimos meses, em razão da queda da arrecadação tributária.

Segundo a Prefeitura o atraso nos pagamentos se deu por conta da crise financeira que a Cidade tem atravessado por causa da queda da arrecadação tributária que, também os obrigou, desde o primeiro semestre, a adotar uma série de medidas emergenciais de contenção de despesas, renegociação de contratos, novos cronogramas de pagamentos, racionalização e mesmo cortes nas despesas públicas.

“Com o esforço de todos, Administração, servidores municipais, empresas contratadas e a própria população, estamos superando a crise que o município enfrenta. Após o pagamento do 13º, cujo depósito ao funcionalismo foi antecipado do dia 20 de dezembro para hoje (14/12), estamos conseguindo vencer outras etapas, como nesse caso da empresa de vigilância”, comemorou o secretário de Planejamento, Adalberto Ferreira.

Ao anunciar o depósito do décimo-terceiro salário do funcionalismo na íntegra e com seis dias de antecipação da data prevista inicialmente, a prefeita Marcia Rosa já havia declarado que acredita no próximo ano mais equilibrado para as finanças municipais. "Tenho certeza de que Cubatão sairá dessa situação mais fortalecida e, já em 2013, com novos investimentos por toda a cidade”, finalizou a prefeita.

A greve dos funcionários da Marvin teve início no dia 27 de novembro, Pagamentos serão feito nesta terça (18). (Foto: Matheus Tagé/ DL)

Greve

A greve começou no dia 27 de novembro e permaneceram por vários dias em frente a Prefeitura reivindicando os salários atrasados. 

“Vamos ficar aqui até nos atenderem e resolverem a situação. E, se até sexta não resolverem, segunda-feira estaremos na porta da Marvin”, afirmava o diretor executivo do Sindicato dos Vigilantes do Litoral Paulista (Sintragen), José Arimatéa, no dia 06 de dezembro.

Segundo o advogado do sindicato, Walter Cardoso, a dívida, naquele dia, entre a Marvin e a Prefeitura é de aproximadamente R$ 6 milhões. “O salário do mês passado está atrasado e a primeira parcela do décimo terceiro não foi paga. Tem gente passando sérias dificuldades”, explicou. Além disso, Cardoso afirmou que há três meses não recebiam vale-refeição e, há dois, não recebiam vale-transporte.

Em resposta, a Prefeitura informava que “a Marvin vinha recebendo pagamentos constantes, com atrasos que não superam os três meses. Portanto, dentro do período previsto pela Lei 8.666/93 para que as empresas fornecedoras possuam saúde financeira para honrar seus compromissos relativos à folha de pagamentos e demais termos de seu contrato”.

Nesta sexta-feira (14), a Administração Municipal afirmou que o pagamento será feito à Marvin, na próxima terça-feira.