Pré-candidato à prefeitura pelo DEM quer política sustentável e protagonismo cidadão

Pré-candidato à Prefeitura de Santos, consultor empresarial Moysés Fernandes aposta em projeto e envolvimento de pessoas

Comentar
Compartilhar
22 JUN 2016Por Diário do Litoral09h00
Fernandes defende a valorização do funcionalismo público, com a criação de uma escola de talentosFernandes defende a valorização do funcionalismo público, com a criação de uma escola de talentosFoto: Rodrigo Montaldi/DL

Um projeto de política sustentável e protagonismo cidadão. Essa é a ideia defendida pelo consultor empresarial Moysés Fernandes, pré-candidato à Prefeitura de Santos pelo DEM. 
O democrata acredita que é necessário trabalhar o place branding, a construção de marcas para a cidade e para os bairros santistas.

“Acreditamos que a marca de determinados bairros não é o gestor público que tem que determinar como vai funcionar, e sim as pessoas que lá estão. Óbvio que isso não é tão simples de se fazer. Você precisa valorizar as pessoas e ter bons projetos”.

Fernandes visa “identificar quem são os talentos verdadeiros que estão na Prefeitura”. A ideia do prefeiturável é incentivar o funcionalismo público, integrar pessoas e projetos e trabalhar com metas, como no setor privado. Ele também propõe a criação de uma “escola de talentos”, com treinamentos específicos de cada área e ­motivacional. 

O pré-candidato explicou que a ideia de disputar a vaga ao Executivo santista veio de um misto de esperança e ­indignação.

“Foi um pouco de esperança. Eu trabalho com consultoria para empresas e trabalho muito com a ideia que as pessoas mantenham uma esperança. Frente a tudo isso que está acontecendo nas esferas federal, estadual e municipal, existe uma grande desesperança. As pessoas pararam de acreditar na política. Fazer com que as pessoas mantenham a esperança em algo novo, e um pouco indignação por tudo que vemos na nossa cidade”.

Para ele, Santos não precisa de políticos profissionais, mas de profissionais na política. “Pessoas bem-sucedidas em suas profissões e que ingressem na política sem que vivam dela. As pessoas sonham com essa nova liderança”. 

Para Moyses Fernandes, a atual Administração não cumpriu com a expectativa criada durante as eleições de 2012 e, segundo o pré-candidato, o discurso é novamente repetido pelo governo para 2016.

“Essa conversa a gente já escutou em 2012. Se vende aquilo que já se disse que faria. Mas não vemos nada de efetivo acontecendo. A cidade está cinza. Santos tem tudo para ser uma das melhores cidades do mundo, no entanto, é uma cidade que perdeu o brilho”.

Jornalista por formação, o democrata trabalha como consultor empresarial profissional. Presta serviços pra empresas em Santos e São Paulo e já trabalhou com grandes corporações, como a Sabesp.