Prazo maior para acertar dívida com Receita agrada Antonieta

O prazo inicial para parcelamento das dívidas era de até 60 meses

Comentar
Compartilhar
03 FEV 201317h12

A ampliação do prazo em até 240 meses para refinanciamento das dívidas dos municípios com a Receita Federal anunciado pelo presidente Luiz Inácio Lula da Silva no Encontro Nacional com Prefeitos e Prefeitas, que acontece em Brasília, será a primeira medida concreta que a prefeita de Guarujá Maria Antonieta de Brito (PMDB) trará do encontro. O prazo inicial para parcelamento das dívidas era de até 60 meses.

A ampliação do prazo de refinanciamento para 20 anos agradou a prefeita que herdou uma dívida com a Receita de aproximadamente R$ 300 milhões.

No segundo dia do encontro, a Professora Antonieta participou de audiência com o presidente da Câmara dos Deputados, Michel Temer (PMDB). Segundo ela, Temer se colocou “à disposição para os interesses da Cidade”, além de promover “abertura de canais junto aos ministérios da Saúde e da Defesa”.

A prefeita quer o apoio desses ministérios para levantar recursos para a rede pública de saúde e impulsionar o Aeroporto Civil Metropolitano. Além disso, Antonieta disse ao DL que Temer deverá agendar visita ao Guarujá para meados de março.

A prefeita também estabeleceu contato com o Ministério dos Esportes onde discutiu o convênio do programa ‘Segundo Tempo’. Antonieta esteve ainda com o assessor especial da Casa Civil, Jairo Klepacz, discutindo sobre a importância das parcerias entre a União e os municípios, além do interesse da Presidência em desenvolver projetos em Guarujá, relacionados ao Programa de Aceleração do Crescimento (PAC).

A Casa Civil deverá revisar os investimentos do PAC. Em ofício enviado ao Governo Federal, Antonieta solicitou que a União assuma as despesas dos ajustes em contratos de médio e longo prazos. Hoje, segundo a prefeita, as prefeituras financiam os reajustes. A prefeita se reuniu ainda com consultores do Banco Mundial a quem pediu apoio a projetos de relevância no Município.