Por ora, descrevo meu descontentamento em carta a Lula, diz Sepúlveda Pertence

O advogado fez críticas à assessoria jurídica do ex-presidente, além da decisão de parlamentares petistas de apresentar um pedido de habeas corpus sem a prévia anuência de sua defesa

Comentar
Compartilhar
16 JUL 2018Por Folhapress18h38
Sepúlveda Pertence se encontrará com o ex-presidente Lula nesta semanaSepúlveda Pertence se encontrará com o ex-presidente Lula nesta semanaFoto: Leonardo Prado/Câmara dos Deputados

Advogado do ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva, o ex-presidente do STF (Supremo Tribunal Federal) Sepúlveda Pertence afirmou, nesta segunda-feira (16), que se encontrará com o petista nesta semana para decidir se fica em sua equipe de defesa.

Na última sexta-feira (13), chegou às mãos de Lula, por intermédio de um filho de Pertence, uma carta em que o advogado faz críticas à assessoria jurídica do ex-presidente, além da decisão de parlamentares petistas de apresentar um pedido de habeas corpus sem a prévia anuência de sua defesa.

Pertence afirma que essa, por ora, não é uma carta de renúncia.

"Por ora, descrevemos nossas razões de descontentamento com coisas ocorridas no decorrer da defesa. Tenho uma série de compromissos em Curitiba e vou encontrar com o ex-presidente para decidirmos", afirmou Pertence, evitando especificar as causas de seu desconforto.