Petrobras entregou documentação do processo de Cerveró à Comissão de Ética

O ex-diretor da área internacional responde por supostas irregularidades relacionadas à compra da refinaria de Pasadena, no Texas (EUA)

Comentar
Compartilhar
25 FEV 201520h30

O presidente da Comissão de Ética Pública da Presidência da República, Américo Lacombe, informou nesta quarta-feira, 25, que a Petrobras entregou a documentação referente ao ex-diretor da área internacional Nestor Cerveró, que responde por supostas irregularidades relacionadas à compra da refinaria de Pasadena, no Texas (EUA).

Na última segunda-feira, 23, o Ministério Público Federal ofereceu denúncia contra Cerveró, acusado pelo MPF de usar o cargo na empresa para favorecer contratações de empreiteiras, mediante pagamento de propina.

"Veio a documentação imensa e o relator não teve tempo nem de examinar. Chegou da Petrobras. É muito grande", comentou Lacombe que não soube detalhar as informações fornecidas pela estatal. "Isso aí eu não sei porque não vi a documentação. Será sigiloso."

De acordo com Lacombe, a comissão aguarda o envio de informações pelo juiz Sérgio Moro - que conduz as ações da Operação Lava Jato -, referentes ao ex-diretor de Serviços da Petrobras Renato Duque. "Do Duque pedimos informações ao Sérgio Moro pra ver se tem alguma coisa no processo, algum documento, e até hoje não recebemos resposta", disse Lacombe.

No dia 18 de março, a Comissão de Ética Pública da Presidência volta a se reunir.

A Petrobras entregou a documentação do processo de Nestor Cerveró à Comissão de Ética (Foto: Agência Brasil)