Governo SP

Paulo Alexandre divulga mais quatro secretários

Equipe do prefeito eleito tem, até agora, nove nomes anunciados

Comentar
Compartilhar
05 DEZ 201214h07

O Governo Paulo Alexandre Barbosa (PSDB) tem, agora, nove nomes. Na manhã desta quarta-feira (5/12), o prefeito eleito divulgou o nome da pedagoga, professora e funcionária pública aposentada Jossélia Fontoura para o comando da Secretaria de Educação. A pasta de Finanças será chefiada pelo economista Álvaro Silveira, funcionário de carreira da Prodesan e atual coordenador do Programa de Modernização da Administração Tributária (PMAT) da Prefeitura. Na Secretaria de Gestão quem assume é o advogado Fábio Ferraz, que acompanha o prefeito eleito desde o início da sua vida pública.

O contabilista e auditor Orival da Cruz será o Controlador Geral do Município. Paulo Alexandre fará uma mudança no organograma da Administração Municipal. O cargo deixará de ser vinculado à Secretaria de Finanças e ganhará mais autonomia no controle preventivo dos órgãos da Administração Direta. “É uma inovação importante e necessária, considerando que o controlador tem a responsabilidade de verificar a legalidade, a legitimidade e a moralidade na gestão das secretarias e órgãos vinculados”, justificou o prefeito eleito.
 
Em janeiro, Paulo Alexandre vai encaminhar projeto de lei complementar à Câmara para instituir novas prerrogativas à função. O controle interno do governo é feito por meio de auditorias e requisição de documentos. Compete ao controlador analisar aspectos econômicos, financeiros, patrimoniais, orçamentários e contábeis relacionados à aplicação dos recursos públicos.
 
Segundo destacou a assessoria do prefeito eleito, entre os critérios avaliados para montagem do secretariado, Paulo Alexandre destacou a competência profissional . “O Álvaro Silveira é um economista de carreira da área pública que zela pelo dinheiro do contribuinte há mais de 40 anos. A Jossélia Fontoura trabalha na Educação pública desde os 18 anos e sabe o que deve ser feito para melhorar a qualidade do ensino. Já o Fábio Ferraz é um jovem de 33 anos que vem com muita disposição para implantar um modelo moderno na gestão municipal”.     

Os nomes de Álvaro Silveira, Fábio Ferraz, Josselia Fontoura e Orival da Cruz foram anunciados por Paulo Alexandre Barbosa (Foto: Montagem/Divulgação)
 
Quem já estava na equipe
 
Além dos nomes divulgados na manhã desta quarta-feira (5/12), também fazem parte da equipe de governo o médico Marcos Calvo (Saúde), o jornalista Rivaldo Santos (Comunicação e Resultados), o advogado Donato Lovecchio Filho (Procuradoria do Município), a assistente Social Rosana Russo (Assistência Social) e o engenheiro Ângelo da Costa (Infraestrutura e Edificações).

Quem são os novos
 
Álvaro dos Santos Silveira Filho é funcionário da Prodesan desde 1971. Tem 67 anos, casado, é economista e contabilista formado pela Faculdade de Ciências Econômicas e Comerciais de Santos.
 
Na Prodesan, chefiou o Departamento de Planejamento e Controle. Foi chefe dos departamentos de Programas e Integração Regional da Prefeitura. Atualmente, coordena a equipe de controle econômico-financeiro do contrato de financiamento com o Banco Mundial. Também é o responsável pelo Programa de Modernização da Administração Tributária (PMAT) da Prefeitura.
 
Jossélia Aparecida Fósia Carneiro de Fontoura tem mais de 30 anos de trabalho na área de ensino público. É  pedagoga e professora,  tem 55 anos, é especialista em Administração Escolar, Orientação e Supervisão, com pós-graduação em Didática Geral e bacharelado em Direito.
 
Funcionária pública aposentada da Prefeitura de São Paulo, comandou a Secretária de Educação de Santos de 2001 a 2004 (Governo Beto Mansur, PP). Foi diretora de Arquivos da Fundação Arquivo e Memória de Santos e de Projetos Estratégicos na Secretaria Municipal de Planejamento. Em 2011, trabalhou na equipe técnica da Secretaria de Estado de Desenvolvimento Social.
 
Fábio Alexandre Fernandes Ferraz é Mestre em Gestão de Políticas Públicas pela Fundação Getúlio Vargas (FGV-SP). É  advogado, tem 33 anos, casado, é bacharel em Direito pela Universidade Católica de Santos (UniSantos), com especialização em Direito Processual Civil. Foi assessor parlamentar do ex-vereador Paulo Gomes Barbosa, chefe de Gabinete do deputado Paulo Alexandre Barbosa na Assembleia Legislativa e diretor de Habitação da Cohab Santista.
 
Orival da Cruz é contador especializado em auditoria. Tem 68 anos, casado, presidiu a Associação e o Sindicato dos Contabilistas de Santos e a Federação dos Contabilistas do Estado Paulo. Foi fundador e presidente do Sindicato de Serviços Contábeis da Baixada Santista, além de diretor da Confederação Nacional dos Profissionais Liberais. Em reconhecimento à atuação profissional na área contábil, recebeu títulos e homenagens das cidades de Santos, Piraju, São Carlos e São Paulo. 

Colunas

Contraponto