X
Política

Pacheco critica extremismo e pede diálogo para resolver 'crise real'

O presidente do Senado renovou o compromisso de buscar um diálogo entre os Poderes para resolver a crise econômica

Para Pacheco, é necessário que os chefes das instituições se organizem / Marcos Oliveira/Agência Senado

Após o presidente Jair Bolsonaro fazer ameaças ao Supremo Tribunal Federal (STF) durante os atos de 7 de setembro, o presidente do Senado, Rodrigo Pacheco (DEM-MG), divulgou um pronunciamento criticando o extremismo nas manifestações e cobrando respeito à Constituição. A declaração foi gravada em vídeo.

Pacheco afirmou que, tanto para os brasileiros nas manifestações quanto para aqueles que não foram, há uma realidade: um país em crise. "Essa solução não está no autoritarismo, não está nos arroubos antidemocráticos, não está em questionar a democracia. Essa solução está na maturidade política dos Poderes constituídos de se entenderem, de buscarem as convergências para aquilo que verdadeiramente interessa aos brasileiros", disse o senador.

O presidente do Senado renovou o compromisso de buscar um diálogo entre os Poderes para resolver a crise econômica. Nas últimas semanas, reuniões com o presidente Jair Bolsonaro e o STF foram adiadas. Para Pacheco, é necessário que os chefes das instituições "sentem à mesa" e se organizem. "Não é com excessos, não é com radicalismo, não é com extremismo, é com diálogo e com respeito à Constituição que nós vamos conseguir resolver os problemas. É isso que os brasileiros esperam de Brasília e dos Poderes constituídos."

 

Deixe a sua opinião

VEJA TAMBÉM

ÚLTIMAS

Cotidiano

Neymar vence prefeitura de Santos em briga judicial

A Neymar Sport e Marketing tem como sócios Nadine Gonçalves e Neymar da Silva Santos, pais do atleta do Paris Saint-Germain e da Seleção Brasileira

Cotidiano

Santos cria coordenadoria para longevidade e une gerações por meio de gibi

Além do gibi, os estudantes das escolas municipais ainda terão vídeos e livros para a abordagem do assunto em sala de aula

©2021 Diário do Litoral. Todos os Direitos Reservados.

Software