X
Política

Ministro do STJ nega habeas corpus de terceiro em prol de Lula

O habeas corpus havia sido impetrado na manhã de ontem (5) pelo advogado Altair de Souza Martins, portanto antes da ordem de prisão expedida pelo juiz federal Sergio Moro contra Lula

O ministro Felix Fischer, do Superior Tribunal de Justiça (STJ), negou na manhã de hoje (6) um habeas corpus com o qual um advogado não ligado à defesa tentava impedir a prisão do ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva / Assessoria Superior Tribunal de Justiça/Divulgação

O ministro Felix Fischer, do Superior Tribunal de Justiça (STJ), negou na manhã de hoje (6) um habeas corpus com o qual um advogado não ligado à defesa tentava impedir a prisão do ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva.

O habeas corpus havia sido impetrado na manhã de ontem (5) pelo advogado Altair de Souza Martins, portanto antes da ordem de prisão expedida pelo juiz federal Sergio Moro contra Lula e também antes do habeas corpus protocolado nesta manhã pelos advogados do ex-presidente no STJ.

A assessoria do STJ confirmou que ainda não há decisão no habeas corpus impetrado pela defesa de Lula, no qual os advogados pedem uma medida liminar urgente para impedir a prisão do ex-presidente, alegando irregularidades processuais.   

Lula encontra-se neste momento no Sindicato dos Metalúrgicos, em São Bernardo do Campo. Ontem (6), Moro determinou a prisão do ex-presidente no caso do tríplex no Guarujá (SP), determinando que ele se entregue à Polícia Federal até as 17h de hoje (6).

Deixe a sua opinião

VEJA TAMBÉM

ÚLTIMAS

Mundo

Saiba tudo sobre a 4ª temporada de 'Stranger Things', febre mundial da Netflix que volta nessa sexta

Após contratempos causados pela Covid, série da Netflix volta dividida entre Hawkins, Califórnia e a Sibéria soviética

Cotidiano

Shopping Praiamar, em Santos, alerta pessoas para tentativa de golpe em seu nome

Um e-mail estaria sendo usado para atrair os candidatos a uma vaga de emprego que não está sendo oferecida no momento

©2021 Diário do Litoral. Todos os Direitos Reservados.

Software