X
Política

Maia: se debate da reforma não acabar este ano, vai predominar na eleição

Segundo o presidente da Câmara, a proposta estará em discussão até que haja votos para aprová-la em algum momento

Rodrigo Maia disse que a reforma da Previdência pode predominar nos debates eleitorais no próximo ano / Agência Brasil

O presidente da Câmara, Rodrigo Maia (DEM-RJ), disse nesta tarde de quinta-feira, 7, que o tema da reforma da Previdência vai predominar nos debates eleitorais no próximo ano se a proposta não avançar no Congresso. "Se esse debate não puder acabar este ano, ele vai ter de continuar no ano que vem, na eleição, até que a gente consiga construir uma maioria que entenda que as contas públicas, o equilíbrio (fiscal), não são uma questão ideológica", declarou.

Segundo Maia, a proposta estará em discussão até que haja votos para aprová-la em algum momento. Para o deputado, o tema continuará sendo debatido nas eleições porque não há solução para as contas públicas que não passe pela reforma previdenciária. "Não há solução possível fora da reforma da Previdência", insistiu.

Maia afirmou que continuará trabalhando para garantir a votação ainda este ano. "Se for votar essa matéria e a expectativa for de derrota, você vai ficar no máximo com 200 votos. Com a expectativa de vitória, você pode ter até mais do que a gente imagina. Se a expectativa for de derrota, deputado não vota: ou ele vota contra ou ele sai do plenário", disse.

Deixe a sua opinião

VEJA TAMBÉM

ÚLTIMAS

Polícia

Praia Grande: Adolescente de 14 anos é preso em flagrante por venda de drogas

Os agentes de segurança realizavam patrulhamento pela Rua Benedito Alves dos Santos, no Jardim Princesa, em Praia Grande, quando encontraram o menor com a sacola de entorpecentes

Esportes

Santos chega ao Paulista com previsão de ainda reduzir elenco e aproveitar 'oportunidades'

A ideia dele e do técnico Fabio Carille, que desfalcará o time na estreia do Estadual por estar com Covid-19, é trabalhar com um grupo de, no máximo, 32 jogadores

©2021 Diário do Litoral. Todos os Direitos Reservados.

Software