CAMPANHA DE 1 A 11

Lula comunica à Justiça que deixará o Brasil

É a segunda viagem internacional de Lula desde que saiu da prisão. A primeira foi para encontrar o papa Francisco, no Vaticano

Comentar
Compartilhar
24 FEV 2020Por Folhapress18h00
O petista viajará à França, à Suíça e à AlemanhaFoto: Ricardo Stuckert

O ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva (PT) comunicou à Justiça que estará fora do Brasil de 29 a 12 de março. O petista viajará à França, à Suíça e à Alemanha. A viagem começa por Paris, capital francesa onde ele ficará até 5 de março para receber o título de cidadão honorário da cidade.

De 5 a 7 de março, ele estará em Genebra, na Suíça, para encontros com lideranças sociais e de trabalhadores no âmbito do Conselho Mundial de Igrejas. De 7 a 11 de março, Lula ficará em Berlim, em solo alemão, para encontro com lideranças do movimento sindical mundial.

Como está solto por determinação do STF (Supremo Tribunal Federal), que considerou ilegal a prisão depois de condenação em segunda instância, o ex-presidente não precisa de autorização judicial para viajar.

Seguindo uma praxe, no entanto, a defesa sempre comunica os magistrados que ele se ausentara do país. É a segunda viagem internacional de Lula desde que saiu da prisão. A primeira foi para encontrar o papa Francisco, no Vaticano.