Hillary Clinton retoma o trabalho nesta segunda-feira

Secretária de Estado norte-americana retorna ao trabalho após um mês afastada em decorrência de um coágulo no cérebro.

Comentar
Compartilhar
07 JAN 201311h35

A secretária de Estado norte-americana Hillary Clinton retorna nesta segunda-feira (7) ao trabalho, depois de um mês afastada. Hillary foi diagnosticada com um coágulo no cérebro e submetida a uma série de exames médicos. Ela ficou doente ao final de uma série de visitas à Europa, no começo de dezembro.

A retomada da agenda foi confirmada pelo Departamento de Estado. Hillary, de 65 anos, teve alta médica no dia 2, depois de ter dado entrada no Hospital Presbiteriano em 30 de dezembro, quando descobriu o coágulo no cérebro.

Pela agenda, Hillary se reúne com os secretários adjuntos no Departamento de Estado. Também há reuniões agendadas para toda a semana, incluindo conversas na Casa Branca, nesta terça-feira (8), com o secretário da Defesa, Leon Panetta, e com o conselheiro para a Segurança Nacional, Tom Donilon. No dia 10, haverá uma reunião com o presidente do Afeganistão, Hamid Karzai.

Antes da descoberta do coágulo, Hillary anunciou sua decisão de deixar a Secretaria de Estado. Não informou quais são os planos políticos. Para o lugar dela, o presidente norte-americano, Barack Obama, nomeou John Kerry.

Hillary, de 65 anos, teve alta médica no dia 2 depois de ter dado en:trada no hospital dia 30 e descoberto um coágulo no cérebro. (Foto: Divulgação)