X
Política

Gilmar diz que prisão de Lula é absurda e responsabiliza o PT

'A prisão de Lula é absurda, fruto do autoritarismo desse punitivismo processual hoje em voga no país' afirma o ministro do STF

Gilmar diz que prisão de Lula é absurda e responsabiliza o PT / Agência Brasil

De Portugal, o ministro Gilmar Mendes, do STF (Supremo Tribunal Federal), fez duras críticas, nesta sexta-feira (6), à ordem de prisão determinada pelo juiz Sérgio Moro contra o ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva e também ao PT, que, segundo ele, estaria "sendo vítima de sua própria obra".

"A prisão de Lula é absurda, fruto do autoritarismo desse punitivismo processual hoje em voga no país. Os recursos [que Lula pode apresentar à Justiça] ainda não se esgotaram e já se precipita a prisão", afirma.

"A única coisa que me consola é que esse estado de coisas excepcional é fruto do processo de desinstitucionalização que o PT promoveu no Brasil, do conluio que existia entre o partido e procuradores, das más escolhas [de magistrados] para o Supremo [Tribunal Federal]."

Segundo ele, "em vez de pensar em uma composição da corte [o STF] dentro dos padrões técnicos e jurídicos, privilegiou-se a escolha de pessoas ligadas aos movimentos LGBT, ao MST, basistas e coisas desse tipo. O resultado está aí, é esse direito penal totalitário".

Deixe a sua opinião

VEJA TAMBÉM

ÚLTIMAS

Esportes

Taça das Favelas Guarujá abre inscrições

Torneio promete mobilizar mais de mil adolescentes de comunidades da cidade

Cotidiano

Travessias Litorâneas não terão tarifas reajustadas pelo quarto ano consecutivo

Governo de SP mantém investimentos constantes nas travessias, garantindo mais agilidade e confiabilidade

©2021 Diário do Litoral. Todos os Direitos Reservados.

Software