Em São Vicente, viadutos serão construídos até 2015

Geraldo Alckmin anunciou ontem obras para melhorar rodovias da Região.

Comentar
Compartilhar
16 JAN 201309h50

A manhã desta terça-feira (15) foi de boas notícias para a Região. O governador Geraldo Alckmin (PSDB) anunciou obras importantes nas rodovias da Baixada Santista. O início das obras está previsto para maio, e o investimento é de R$ 100 milhões.

“Em um prazo total, a obra será entregue em 2015. Vamos executar o projeto em quatro fases. Na primeira vamos construir uma marginal, uma pista acessória de quase dois quilômetros. Com essa pista, nós vamos conseguir fazer o restante da obra. A entrega é prevista para este ano”, explica Alckmin.

Ainda segundo o governador, a segunda parte da execução do projeto inclui a entrega das passarelas, que devem estar prontas até o início de 2014. A terceira parte contempla a construção do viaduto da Pista Norte da Imigrantes. O viaduto que dará acesso ao sentido Norte (São Paulo) será construído entre o km 65,25 e km 67,6. A previsão de entrega é para o fim de 2014. Já a quarta e última parte, a construção viaduto da Pista Sul — entre o km 65,57 e o km 66,45 — tem previsão para ser entregue no início de 2015.

Viadutos - Segundo Geraldo Alckmin, primeira fase da obra deve começar em maio. (Foto: Luiz Torres/ DL)

O objetivo é desafogar o trânsito, principalmente na temporada de verão, e inibir a ação de marginais. O número de ocorrências criminosas na famosa região dos semáforos é alta. “É uma obra de extrema importância para São Vicente, para a Região e para os turistas do Estado. Ele (Alckmin) falou em 30 meses, mas vamos lutar para que as obras finalizem o quanto antes”, comenta o prefeito de São Vicente, Luis Cláudio Bili.

Além da criminalidade, a construção dos viadutos eliminará um dos principais gargalos da rodovia que, nesta época do ano, faz com que turistas enfrentem horas e horas de tráfego intenso e trânsito parado. O edital já foi lançado, e as obras serão realizadas pelo Departamento de Estradas de Rodagem (DER), órgão vinculado à Secretaria Estadual de Logística e Transportes.

Mais anúncios

Além das obras na Imigrantes, Alckmin anunciou R$ 50 milhões para a construção de nova ponte sobre o canal do Barreiro e mais 3,5 quilômetros de pista. A previsão é de 12 meses de obras.

Anunciou também a liberação de R$ 97 milhões para oito munícipios da Baixada, considerados estâncias turísticas, que têm direito à verba do Departamento de Apoio ao Desenvolvimento das Estâncias (Dade), com exceção de Cubatão.

Alckmin também anunciou R$ 32,5 milhões para a construção de um viaduto, na altura do km 292+314 metros, da Rodovia Padre Manuel da Nóbrega, no Samambaia, próximo à curva do S. As obras têm início em fevereiro e o prazo de execução é de 12 meses.

A 31ª edição da Encenação da Fundação da Vila de São Vicente recebeu boas notícias do Governo do Estado. Ou melhor, receberá R$ 1 milhão, segundo o governador Geraldo Alckmin. “É um espetáculo histórico, importante para a Cidade e para Estado, até mesmo na questão turística”, explica.