GOVERNO 3

Em Cubatão, Marcia Rosa recorre ao ICMS

Prefeita da Cidade pediu ao governador Geraldo Alckmin a antecipação do repasse do imposto.

Comentar
Compartilhar
05 DEZ 201217h29

A prefeita de Cubatão, Marcia Rosa, pediu nesta terça-feira (04) ao governador Geraldo Alckmin, a antecipação do repasse do Imposto sobre Circulação de Mercadorias e Serviços (ICMS), numa tentativa de conter a crise  financeira que o Município vem enfrentado.

A prefeita entregou a solicitação durante a solenidade que oficializou o início das obras de readequação do sistema viário no entroncamento das rodovias Padre Manoel da Nóbrega, Cônego Domenico Rangoni e Anchieta.

Conforme Marcia Rosa, a Prefeitura “vem encontrando dificuldades para cumprir seus compromissos mais elementares na manutenção dos encargos básicos e fundamentais, entre eles os da Saúde, da Educação e da Assistência Social”. Segundo a prefeita, os recursos são “pertinentes para dar a Cubatão o fôlego necessário para superar essa crise momentânea”.
 
O documento destaca, também, as tratativas com a Usiminas e autoridades fiscais do Estado, para  rever o valor adicionado da empresa, cuja queda acentuada diminuiu o repasse do ICMS da siderúrgica à Prefeitura. 

“Como a crise de 2008 afetou a indústria de aço, isto impactou diretamente a Usiminas. Essa empresa teve valor adicionado de R$ 3,7 bilhões em 2008 e regrediu para R$ 270 milhões em 2011. Em virtude dessa queda espantosa, o índice de participação do Município recuou de 1,45 em 2009 para 1,06 em 2013. Portanto, caiu 26,9% nesse período”, explicou a prefeita.

A prefeita entregou a solicitação ao governador Geraldo Alckmin (Foto: Luiz Torres/DL)

Colunas

Contraponto