Dilma lamenta morte de jovem e condena violência em SP

No Twitter, Dilma prestou solidariedade à família e condenou o que chamou de "violência contra a periferia"

Comentar
Compartilhar
29 OUT 201314h54

A presidente Dilma Rousseff lamentou nesta terça-feira, 29, a morte do jovem Douglas Rodrigues, no último domingo durante uma abordagem policial. No Twitter, Dilma prestou solidariedade à família e condenou o que chamou de "violência contra a periferia".

"Assim como Douglas, milhares de outros jovens negros da periferia são vítimas cotidianas da violência. A violência contra a periferia é a manifestação mais forte da desigualdade no Brasil", escreveu a presidente.

Douglas morreu no último domingo atingido por um tiro dado por um policial na região do Jaçanã, zona norte de São Paulo. A morte do jovem causou revolta e protestos violentos na noite de ontem. O policial alega que o tiro foi acidental.

A presidente Dilma Rousseff lamentou nesta terça-feira, 29, a morte do jovem Douglas Rodrigues, no último domingo durante uma abordagem policial (Foto: Alberto Wu/Futura Press)