Dilma exonera indiciados em operação da PF

Nota oficial foi divulgada ontem pela Presidência

Comentar
Compartilhar
25 NOV 201217h02

 

Todos os servidores indiciados na Operação Porto Seguro, deflagrada pela Polícia Federal, serão afastados ou exonerados de suas funções, conforme nota oficial da Secretaria de Comunicação Social da Presidência da República divulgada neste sábado (24).
 
A determinação da presidenta Dilma Rousseff também inclui o afastamento dos diretores de agências envolvidos na investigação e na abertura de processos disciplinares. Entre os exonerados está a chefe de gabinete da Presidência da República em São Paulo, Rosemary Nóvoa de Noronha.
 
Presidenta Dilma Rousseff incluiu o afastamento dos diretores de agências envolvidas (Foto: Agência Brasil)

Colunas

Contraponto