Cubatão tem cinco novos secretários municipais

Prefeita Marcia Rosa anunciou nesta segunda-feira (14) cinco novos secretários municipais.

Comentar
Compartilhar
15 JAN 201312h47

Iniciando a reorganização de sua base de governo para o segundo mandato, a prefeita Marcia Rosa anunciou nesta segunda-feira (14) cinco novos secretários municipais. Assumiram nesta semana Ana Maria Rodrigues de Oliveira (Meio Ambiente), Armando Campinas Reis Junior (Segurança Pública), Paulo de Toledo Ribeiro (Assuntos Jurídicos) e Simone Aparecida dos Santos Lopes (Assistência Social). José Agnaldo Beghini de Carvalho (Gestão) deverá assumir no dia 18/01, após se desincompatibilizar do cargo que ocupa na prefeitura de São Bernardo do Campo.

Sobre as reformulações que está empreendendo, a prefeita explicou: "Estamos iniciando uma nova etapa do governo, dando sequência às transformações que iniciamos em 2009. Como disse ao ser empossada no dia 1º, este é um governo de continuidade, mas não de continuísmo".

A Prefeita também agradeceu aos secretários que estão deixando os cargos, "por suas importantes colaborações nesse processo de mudança que estamos fazendo em Cubatão", dizendo estar certa "de que todos continuarão colaborando com a cidade, de forma direta ou indireta".

Os novos secretários: Ana Maria Rodrigues de Oliveira (Meio Ambiente), Armando Campinas Reis Junior (Segurança Pública), Paulo de Toledo Ribeiro (ASsuntos Jurídicos), Simone Aparecida dos Santos Lopes (Assistência Social) e José Agnaldo Beghini de Carvalho (Gestão). (Foto: Montagem/ Divulgação)

Assistência Social

Simone Aparecida dos Santos Lopes é funcionária de carreira da Prefeitura, com 28 anos de atividades. Nasceu em 20 de maio de 1958 na cidade de Nossa Senhora das Dores (Sergipe), e se radicou em Cubatão, na Vila Nova. Casada, tem três filhos e sete netas, todos cubatenses. Graduada em Serviço Social, a nova secretária possui pós-graduação em Atendimento Familiar.

Assuntos Jurídicos

Paulo de Toledo Ribeiro assume a Secretaria de Assuntos Jurídicos, para dar continuidade aos trabalhos ali realizados. Nascido em Santos em 22 de abril de 1975, radicado em Cubatão desde criança, Toledo (como é mais conhecido) é solteiro e se formou em Direito pela Universidade Católica de Santos (Unisantos), mantendo desde o ano 2000 um escritório de advocacia geral em Cubatão. Ele já foi chefe do setor jurídico da Companhia Cubatense de Urbanização e Saneamento (Cursan) e coordenador especial de programas da Secretaria de Assuntos Jurídicos, além de diretor e secretário geral da subseção cubatense da Ordem dos Advogados do Brasil, onde também participou das comissões de Cidadania, Ética e Jovem Advogado.

Gestão 

José Agnaldo Beghini de Carvalho já atuou na Secretaria de Finanças de Cubatão (de junho a outubro de 2009). Nasceu na capital paulista em 31 de março de 1960. Transferiu-se em 1989 para Santos para trabalhar no Banco de Crédito Real de Minas Gerais. Estudou no Rio de Janeiro e em São Paulo, formando-se em Economia e Administração, com MBA em Gestão Pública. Trabalhou na empresa pública Anhembi Eventos, na capital paulista, onde também atuou no Instituto de Políticas Públicas, na Assembleia Legislativa de São Paulo e no Ceagesp.
Também atuou na Prefeitura de Guarujá. Em São Bernardo do Campo, trabalhou na Fundação Criança, bem como nas secretarias de Finanças e de Administração daquela prefeitura.

Meio Ambiente 

Ana Maria Rodrigues de Oliveira é solteira e nasceu em 21 de março de 1957 em Cubatão, onde reside. Graduada em Direito, além de ser formada em Desenho Industrial, Educação Artística e Secretariado Executivo Bilingue, é a presidente da Executiva Municipal do Partido Verde em Cubatão. Na Prefeitura, onde é funcionária de carreira desde 16 de outubro de 1979, foi secretária de Administração Municipal de setembro de 2001 a março de 2008. Foi a primeira presidente do Sindicato dos Servidores Públicos Municipais, desde a fundação em março de 1989 até maio de 1996.

Segurança

Armando Campinas Reis Junior deixa a Ouvidoria Municipal para assumir a Secretaria Municipal de Segurança Pública. Nascido em 20 de maio de 1966, em Cubatão, onde continua residindo no Jardim Casqueiro, Armando é casado e tem dois filhos. Bacharel em Direito pela Unimes. Trabalhou na área de construção civil e foi vereador na década de 1980, atuando como vereador constituinte e presidente da Comissão de Defesa dos Interesses da Municipalidade. Foi o autor da lei que criou o primeiro Conselho Municipal de Entorpecentes.