CPI do Assassinato de Jovens é instalada no Senado

O requerimento para criação foi apresentado pela senadora Lídice da Mata (PSB-BA), que vai presidir a comissão

Comentar
Compartilhar
06 MAI 201519h33

Foi instalada ontem (6), no Senado, a Comissão Parlamentar de Inquérito (CPI) do Assassinato de Jovens no Brasil. O requerimento para criação foi apresentado pela senadora Lídice da Mata (PSB-BA), que vai presidir a comissão. Na reunião de instalação também foi eleito o senador Lindbergh Farias (PT-RJ) como relator e o senador Paulo Paim (PT-RS) como vice-presidente.

Como já está em andamento na Câmara uma CPI sobre o assassinato de jovens negros, a primeira proposta da presidenta da comissão do Senado foi a de promover um encontro entre os membros das duas CPIs para a troca de informações. Lídice também sugeriu que sejam organizadas ações conjuntas nos pontos que forem de interesse de ambas as comissões.

A senadora também pretende apresentar um plano de trabalho que incluirá ouvir especialistas em segurança pública e direitos humanos, assim como a família de jovens assassinatos para traçar um mapeamento e perfil das cidades com mais casos de homicídios desse grupo.