Com 54% dos votos válidos, Danilo Morgado vira o jogo e lidera pesquisa em Praia Grande

Candidato do PSL tem bem menos rejeição do público do que a tucana sucessora do prefeito Alberto Mourão

Comentar
Compartilhar
26 NOV 2020Por LG Rodrigues07h00
Morgado lidera pesquisa a três dias da eleiçãoFoto: Divulgação

A população de Praia Grande tem expressiva preferência pela candidatura de Danilo Morgado do PSL para ocupar O cargo máximo na Prefeitura do município a partir do dia 1º de janeiro de 2021. Ao menos é isso o que aponta uma pesquisa realizada na cidade durante ontem (25).

O levantamento contratado pelo Diário do Litoral foi totalmente realizado pela GovNet Pesquisa, empresa pertencente aos mesmos proprietários do Instituto Opinião Pesquisa, durante o dia 25 de novembro para que o resultado fosse o mais fidedigno possível. Ao todo, 400 pessoas foram entrevistadas durante o período e a margem de erro está firmada em 4,9% para mais ou para menos. O nível de confiança é de 95%. Toda a pesquisa pode ser encontrada no portal do Tribunal Superior Eleitoral sob o registro SP-05602/2020.

A diferença entre Raquel Chini (PSDB) e Danilo Morgado (PSL) já pode ser observada na pesquisa espontânea, quando os entrevistados não recebem opções de nomes de candidatos. Ao todo, 38,3% das pessoas que conversaram com os entrevistadores afirmaram ter intenção de votar em Danilo Morgado, enquanto 31,4% declararam apoio à sucessora do prefeito Alberto Mourão. A diferença ficou em pouco menos de 7% de vantagem para o representante do PSL. Além disso, 1,4% dos questionados responderam outros nomes e 8,4% demonstraram intenção de anular ou votar em branco. 20,6% se declararam indecisos.

Quando as pessoas pesquisadas receberam opções, o cenário se manteve praticamente o mesmo, mas com a vantagem de Morgado ligeiramente maior quando comparado aos dados anteriores. A pesquisa estimulada resultou em 46,4% para Danilo Morgado e 38,9% para Raquel Chini, o que representa pouco mais de 7% de vantagem para o nome do PSL. Durante esta modalidade de verificação, 6,9% declararam voto branco ou nulo e apenas 7,7% das pessoas seguiram indecisas.

Ao se transformar estas estatísticas em votos válidos, Danilo Morgado aparece com 54,4% das intenções de votos enquanto Raquel Chini totaliza 45,6%, uma diferença de 8,8% entre ambos.

Já quando se trata de rejeição, os números também acabam indo contra a peessedebista. Ao se perguntar para os entrevistados em quem eles com certeza não votariam, a tucana apareceu com 41,81%. O número é quase dez pontos mais elevado que o de seu adversário político, que foi totalmente rejeitado por 32,57% das pessoas pesquisadas. Os pesquisadores também perguntaram para os moradores de Praia Grande em quem eles provavelmente não votariam e Raquel novamente apareceu na frente de Danilo Morgado, mas com uma diferença bem menor, ela obteve uma porcentagem total de 9,26% contra 8,21% do candidato do PSL.

Raquel Chini e Danilo Morgado chegaram ao primeiro 'returno' eleitoral da história da cidade de Praia Grande após a tucana ter recebido 55.204 votos, que totalizou 39,05% durante o primeiro turno, contra 50.317 votos para o escolhido do PSL, que representou 35,60%.

O segundo turno em Praia Grande será realizado no último domingo (29) de novembro e a divulgação do resultado final deverá ser efetuada poucas horas após as seções eleitorais serem fechadas às 17h.