Chavistas fazem tuitaço para combater rumores sobre a saúde de Chávez

Segundo reportagem do site El País, a batalha dos chavistas para combater os rumores sobre a saúde de Chávez, chegou às redes sociais.

Comentar
Compartilhar
09 JAN 201313h20

A batalha dos chavistas na Venezuela para combater os rumores que circulam sobre a saúde do presidente Hugo Chávez chegou às redes sociais, segundo reportagem do site do jornal espanhol El País. O canal público de televisão da Venezuela, juntamente com o vice-presidente do país, Nicolás Maduro, têm convocado os venezuelanos a "manter a luta ativa nas redes", como declarou Maduro a um grupo de militantes no último sábado. Ele afirmou que é necessário combater aqueles que "desprestigiam e divulgam mensagens maldosas" contra Chávez.

Em uma entrevista, o vice-presidente declarou que novas contas estão sendo abertas no Twitter por chavistas para combater "bandidos" e dar "um golpe de opinião". "São bandidos aqueles que utilizam suas contas no Twitter para mentir e falar como se estivessem ali, ao lado de Chávez. Eles mentem, mentem e mentem, sempre", disse. Segundo o El País, a Venezuela é um dos países mais ativos no uso de redes sociais.

Chávez está em Cuba, onde passou pela quarta cirurgia contra um câncer na região pélvica. (Foto: AP)

Os chavistas parecem ter mesmo aderido ao "tuitaço". A rede social está cheia de mensagens de apoio ao presidente, com expressões como "viva Chávez", "conte comigo, Chávez" e "venceremos sempre". Muitas exaltam feitos do governo e a "revolução bolivariana".

Chávez está em Cuba, onde passou pela quarta cirurgia contra um câncer na região pélvica. Como o governo não divulgou o órgão atingido, o tipo da doença sofrida pelo presidente ou seu estado de saúde, a oposição tem exigido a liberação de informações mais detalhadas.