Carlos Teixeira é pré-candidato a vice na chapa de Papa

Secretário de Assistência Social de Santos pediu exoneração do cargo para concorrer ao pleito eleitoral

Comentar
Compartilhar
13 FEV 201316h02

O ex-secretário de Assistência Social de Santos, Carlos Teixeira Filho é pré-candidato às eleições como vice na chapa do prefeito João Paulo Tavares Papa (PMDB). O anúncio feito ontem à noite pelo presidente municipal do PSDB, Marcos Adegas, na sede do partido, consolida a coligação PMDB/PSDB na corrida eleitoral à Prefeitura de Santos.

Segundo o secretário-geral do partido no Estado, César Gontijo, Santos é a primeira cidade do Estado de São Paulo e talvez seja a única a não lançar candidato próprio ao Executivo Municipal.

A dobradinha PMDB/PSDB, já vinha sendo articulada pelo diretor-executivo da Agência Metropolitana da Baixada Santista (Agem), Rubens Lara, 64, que também era assessor especial do Governo de São Paulo. Rubens seria o candidato na chapa com Papa, mas morreu antes mesmo de oficializar a coligação, no dia 12 de março, vítima de infarto.

Marcos Adegas afirmou que a escolha de Carlos Teixeira Filho foi um consenso entre os membros do partido. Entre as indicações para a chapa estavam ainda o ex-deputado federal Koyu Iha e o ex-deputado estadual Edmur Mesquita.

Histórico

Carlos Teixeira é filiado ao PSDB há 16 anos. Por duas vezes foi vice-presidente do partido nos anos de 1997 e 2001. No ano de 2000, concorreu às eleições municipais para vereador na Câmara de Santos.

Novamente em 2004, concorreu a uma cadeira ao legislativo municipal, ficando como terceiro suplente do partido. No ano seguinte, assumiu seu primeiro cargo público, ao ser nomeado secretário da então Secretaria de Ação Comunitária de Santos, no governo Papa.