X

Política

Brasileiros nos EUA votam a favor de mudanças

Na maioria dos centros de votação há filas, mas a votação transcorre sem problemas, segundo autoridades consulares

Agência Brasil

Publicado em 07/10/2018 às 14:01

Atualizado em 07/10/2018 às 14:19

Comentar:

Compartilhe:

A-

A+

Há 19 colégios eleitorais nos EUA / Agência Brasil

Nos Estados Unidos os 19 colégios eleitorais já estão em votação desde às 8h, dependendo do horário local, que pode ser de uma a quatro horas do fuso horário brasileiro.

Na maioria dos centros de votação há filas, mas a votação transcorre sem problemas, segundo autoridades consulares. A Agência Brasil conversou com eleitores que votam em Atlanta, Georgia, centro de votação com 10,6 mil eleitores. A maoria diz que espera que o país melhore e que não ocorram retrocessos.

O casal Regis e Marcele Farias vota pela primeira vez no exterior este ano. Eles estão em Atlanta há quatro anos.  "O que queremos é que o Brasil mude, que a corrução deixe de ser um problema que nos impeça de crescer", afirmaram enquanto esperavam na fila para votar.

A analista de marketing Edna do Nascimento Silva, também vota pela primeira vez no exterior.  "Espero que os candidatos eleitos realmente cumpram as promessas que feitas. O Brasil precisa sair dessa situação onde só acontece retrocesso", disse Edna, que está no país desde 2015, vinda de Taubaté (SP).

Juliana Martins, de Minas Gerais, vota há 10 anos no exterior. Ela  reclamou da fila. Estou esperando há uma hora para votar. Deve ser porque aumentou a quantidade de brasileiros aqui.

Caravana

Alguns eleitores brasileiros foram em caravana oara votar em outros estados. O colégio eleitoral do Consulado Geral do Brasil em Atlanta engloba quatro estados: Georgia, Alabama, Carolina do Sul e Tennessee.

A analista de produção Raissa Labotka, que está grávida de 35 semana, saiu de Clarskville, no Tennesse, para votae em Atlanta. "Viajei cinco horas para chegar, mas valeu a pena. Mesmo não estando no Brasil, votar é importante para mim. O Brasil sempre será meu país."

Desde ontem (6), eleitores usam redes sociais para combinar horários e dividir caronas para ir ao consulado de Atlanta. Pelo grupo de brasileiros na região, alguns combinam pontos de encontro para dividir Uber e ir até o local de votação.

Apoie o Diário do Litoral
A sua ajuda é fundamental para nós do Diário do Litoral. Por meio do seu apoio conseguiremos elaborar mais reportagens investigativas e produzir matérias especiais mais aprofundadas.

O jornalismo independente e investigativo é o alicerce de uma sociedade mais justa. Nós do Diário do Litoral temos esse compromisso com você, leitor, mantendo nossas notícias e plataformas acessíveis a todos de forma gratuita. Acreditamos que todo cidadão tem o direito a informações verdadeiras para se manter atualizado no mundo em que vivemos.

Para o Diário do Litoral continuar esse trabalho vital, contamos com a generosidade daqueles que têm a capacidade de contribuir. Se você puder, ajude-nos com uma doação mensal ou única, a partir de apenas R$ 5. Leva menos de um minuto para você mostrar o seu apoio.

Obrigado por fazer parte do nosso compromisso com o jornalismo verdadeiro.

VEJA TAMBÉM

ÚLTIMAS

Polícia

Segundo suspeito por mortes de cabo da PM e filha em SP é preso em Mongaguá

A ocorrência foi registrada no 1º Distrito Policial de Itanhaém. O nome do suspeito preso não foi revelado

Diário Mais

Conheça o edifício mais alto do mundo feito em uma 'impressora 3D'

O prédio levará 900 horas para ser construído

©2024 Diário do Litoral. Todos os Direitos Reservados.

Software

Newsletter