Bolsonaro nega mais recursos a museus em eventual mandato

O candidato do PSL faz referência ao reitor da UFRJ, Roberto Leher, filiado ao PSOL, ao qual o Museu Nacional é subordinado

Comentar
Compartilhar
03 SET 2018Por Folhapress21h20
Bolsonaro afirmou que não planeja destinar mais recursos a museus num eventual governo seu.Bolsonaro afirmou que não planeja destinar mais recursos a museus num eventual governo seu.Foto: Valter Campanato/ Agência Brasil

O presidenciável Jair Bolsonaro (PSL) atribuiu nesta segunda-feira (3) o incêndio no Museu Nacional ao "aparelhamento" da instituição por partidos políticos e disse que não planeja destinar mais recursos a museus em um eventual governo seu.

"Nas mãos de quem ainda está a administração do museu da Quinta da Boa Vista? PSOL e PC do B. Então pergunte a eles o que eles fizeram ao longo do tempo todo, a não ser aparelhar essas instituições e botar militantes lá dentro. Chegou a esse caos", disse Bolsonaro, antes de reunião com empresários do setor de seguros.

O candidato do PSL faz referência ao reitor da UFRJ, Roberto Leher, filiado ao PSOL, ao qual o Museu Nacional é subordinado.

Bolsonaro afirmou que não planeja destinar mais recursos a museus num eventual governo seu.
"Tem recursos sobrando. O que falta é adequadamente investir recursos nessa área, o que não vem sendo feito", disse ele.

O capitão reformado citou como exemplo de uma instituição do tipo bem administrada o Museu Aeroespacial, gerido pela Aeronáutica.
"Lá é um exemplo de administração", afirmou.