Barbosa se despede de Temer e evita rebater declaração Marco Aurélio

"Vim me despedir. Foi uma conversa muito boa, muito agradável, com promessas de renovação de conversas. (Falamos de) Tema literário, literatura", afirmou

Comentar
Compartilhar
01 JUL 201417h20

De saída do Supremo Tribunal Federal (STF), o ministro Joaquim Barbosa fez uma rápida despedida do vice-presidente Michel Temer na tarde desta terça-feira, dia 1º, no Palácio do Planalto. A conversa durou apenas seis minutos.

"Vim me despedir. Foi uma conversa muito boa, muito agradável, com promessas de renovação de conversas. (Falamos de) Tema literário, literatura", afirmou o presidente do STF a jornalistas, ao deixar o gabinete de Temer.

O pedido de audiência foi feito pelo próprio Barbosa. O ministro não quis comentar as declarações do colega Marco Aurélio Mello, que afirmou que o Supremo precisa voltar "ao padrão anterior", que "ficou arranhado na última gestão". Após a rápida audiência com Barbosa, Temer afirmou na sua conta pessoal no Twitter que desejou ao presidente do STF "sucesso e felicidades".

Joaquim Barbosa fez uma rápida despedida do vice-presidente Michel Temer nesta tarde (Foto: Agência Brasil)