X

Política

Após Bolsonaro ser esfaqueado, presidente do PT diz que ‘nada se resolve na violência’

Candidata a reeleição como deputada federal no Rio de Janeiro, Jandira Feghali disse, no Twitter, que "é contra qualquer ato de violência e de ódio"

Folhapress

Publicado em 06/09/2018 às 17:36

Comentar:

Compartilhe:

A-

A+

Gleisi Hoffmann lamentou o incidente com o presidenciável Jair Bolsonaro / Divulgação/PT

A presidente nacional do PT, senadora Gleisi Hoffmann (PR), lamentou o incidente com o presidenciável Jair Bolsonaro (PSL), que levou uma facada durante evento em Juiz de Fora (MG).

"Nada se resolve na violência", disse.

"A política não pode ser uma seara de violência. Debatemos ideia e posições", afirmou.

Candidata a reeleição como deputada federal no Rio de Janeiro, Jandira Feghali disse, no Twitter, que "é contra qualquer ato de violência e de ódio".

"Somos contra qualquer ato de violência e de ódio. A luta política e o embate eleitoral devem estar na disputa de ideias. Que se apure o ocorrido com o candidato a presidente do PSL em Juiz de Fora", escreveu a candidata do PC do B.

Apoie o Diário do Litoral
A sua ajuda é fundamental para nós do Diário do Litoral. Por meio do seu apoio conseguiremos elaborar mais reportagens investigativas e produzir matérias especiais mais aprofundadas.

O jornalismo independente e investigativo é o alicerce de uma sociedade mais justa. Nós do Diário do Litoral temos esse compromisso com você, leitor, mantendo nossas notícias e plataformas acessíveis a todos de forma gratuita. Acreditamos que todo cidadão tem o direito a informações verdadeiras para se manter atualizado no mundo em que vivemos.

Para o Diário do Litoral continuar esse trabalho vital, contamos com a generosidade daqueles que têm a capacidade de contribuir. Se você puder, ajude-nos com uma doação mensal ou única, a partir de apenas R$ 5. Leva menos de um minuto para você mostrar o seu apoio.

Obrigado por fazer parte do nosso compromisso com o jornalismo verdadeiro.

VEJA TAMBÉM

ÚLTIMAS

Nacional

Armado com uma espada, homem invade hospital e ataca segurança; assista

Apesar do ataque, o segurança não ficou ferido e retirou o agressor da unidade médica

Cotidiano

Vacinação da gripe será antecipada para março

A estratégia costuma acontecer entre os meses de abril e maio, mas, neste ano, terá início no dia 25 de março, devido a uma "antecipação da circulação de vírus respiratórios"

©2024 Diário do Litoral. Todos os Direitos Reservados.

Software

Newsletter