Antonieta quer apoio de Lula para redução da contrapartida do PAC

Prefeitos, que participam da XII Marcha a Brasília em Defesa dos Municípios, pretendem aproveitar a presença do presidente Luiz Inácio Lula da Silva hoje no segundo dia do encontro, para tratar entre outros assuntos do PAC e dos precatórios

Comentar
Compartilhar
29 JAN 201321h49

Segundo a prefeita de Guarujá, Maria Antonieta de Brito, ela assim como os demais prefeitos que possuem parcerias com programas federais e com o Programa de Aceleração do Crescimento (PAC), querem o apoio de Lula para a redução da contrapartida municipal para a realização dos empreendimentos.

“Hoje a contrapartida mínima é de 20%, gerando um grande comprometimento de Receita, motivo de muitas paralisações”.

Ainda de acordo com a prefeita, outros temas centrais serão apresentados ao presidente Lula. Os gestores municipais querem mudanças para o pagamento de precatórios e do INSS.

A abertura da programação de hoje está prevista para as 8h30, quando haverá a sessão solene, da qual participará o presidente da República. Antonieta informou ainda que às 17h30 haverá um encontro com os deputados do Estado de São Paulo.

Ontem à tarde, a prefeita Antonieta foi uma das debatedoras, no painel sobre o Plano Nacional de Turismo e Investimentos. A XII Marcha em Defesa dos Municípios acontece até quinta-feira, no Brasília Alvorada Hotel, em Brasília.