X
Polícia

Três assassinatos em menos de cinco horas em Guarujá

Os crimes ocorreram na Enseada, na Vila Júlia e na Vila Maia. Ninguém foi preso

Em menos de cinco horas, Guarujá teve três assassinatos e uma tentativa. Os casos ocorreram entre a noite de terça-feira e a madrugada de ontem.

O primeiro crime ocorreu às 22h50, na esquina das ruas Silvio Rolim Gonçalves e Pascoal Carlos, na Vila Júlia. Allef Francisco Gonçalves Silveira, de 19 anos, foi executado a tiros por um criminoso que deixou a garupa de uma motocicleta para consumar o homicídio.  Um dos disparos efetuados atingiu as costas de um vigilante de 20 anos que caminhava pelo local, após sair de uma escola de samba. O vigilante foi socorrido ao Hospital Santo Amaro (HSA).

Às 23h06, um homem que estava sem documentos foi morto com ao menos sete tiros em um beco no final da Rua Cláudio dos Santos, na Enseada. O local da execução é conhecido nos meios policiais pelo tráfico de entorpecentes. Três dos disparos efetuados para a execução atingiram o portão de uma residência, o que assustou o morador. Ele não ficou ferido.
Informações passadas à Polícia Militar indicam que os dois autores do crime estavam em uma moto Yamaha XT de cor preta.

Às 3h30 de ontem, um morador de rua foi morto com quatro facadas na Rua Cavalheiro Nami Jafete, na Vila Maia. Os golpes atingiram o abdômen, o cotovelo direito e as costas da vítima.

Nenhuma testemunha do crime foi localizada.

Os casos foram registrados na Delegacia Sede de Guarujá. 

Deixe a sua opinião

VEJA TAMBÉM

ÚLTIMAS

Cotidiano

Férias escolares de julho reacendem a discussão sobre guarda compartilhada

Especialista dá orientações sobre a divisão do tempo dos filhos com guardiões divorciados

São Vicente

Miramar Shopping traz brincadeiras de ilusão de ótica nas férias de julho

São quatro atrações espalhadas por todo o shopping que desafiam os sentidos, como a visão e o tato; evento é gratuito

©2021 Diário do Litoral. Todos os Direitos Reservados.

Software