Tatuador, técnico e autônomo são presos por roubo na praia da Riviera de São Lourenço

Quatro adolescentes foram as vítimas do crime; os acusados foram contidos por seguranças do loteamento de luxo

Comentar
Compartilhar
17 FEV 2021Por Gilmar Alves Jr.18h18
As vítimas foram rendidas mediante ameaça com arma de fogo na praia da RivieraFoto: Reprodução/Google Maps

Um tatuador, de 19, um técnico de edificações, de 32, e um autônomo, de 19, foram presos em flagrante, na madrugada desta quarta-feira (17), sob a acusação de assaltarem um grupo de adolescentes na praia da Riviera de São Lourenço, em Bertioga. Um quarto envolvido no assalto conseguiu fugir.

Os acusados foram contidos por seguranças do loteamento de luxo pouco depois das 2h30 e foram levados à Delegacia de Bertioga, onde foram autuados pelo crime. Eles foram reconhecidos pelas quatro vítimas - dois rapazes e duas moças, sendo três deles moradores da capital.

Foram recuperados três iPhones, cartão de crédito, pulseiras, aneis e R$ 100,00.

No momento em que foi abordado na praia, segundo os seguranças, o tatuador portava dois iPhones na mochila. O restante dos objetos subtraídos estava na cueca do técnico de edificações. Um quarto iPhone foi subtraído pelo bandido que conseguiu fugir e estava armado, segundo as vítimas.

Apesar dos reconhecimentos pessoais e das apreensões, os três detidos negam envolvimento no roubo, sendo que o autônomo ainda afirma que foi “influenciado”.

Monitoramento

De acordo com o registro da ocorrência, logo após o roubo as vítimas comunicaram o delito aos seguranças, fornecendo as características dos assaltantes. A central de monitoramento apontou que o grupo estava cerca de 10 metros adiante, momento em que os seguranças perseguiram os ladrões e conseguiram as três detenções.

Após ouvir as vítimas, os seguranças e os três suspeitos, além dos procedimentos de reconhecimentos pessoais, o delegado Marcello Marinho de Oliveira autuou os três homens em flagrante, determinando a remoção deles à cadeia.