X
Polícia

Quase 3 anos após assassinato do ator Rafael Miguel, Paulo Cupertino é preso

O suspeito estava foragido desde junho de 2019, ele era o nº 1 na lista de criminosos mais perigosos de SP

Paulo Cupertino preso nesta segunda-feira / Divulgação/Polícia Civil

O comerciante Paulo Cupertino Matias, suspeito de matar o ator Rafael Miguel e os pais do jovem, em junho de 2019, na zona sul da capital paulista, foi preso nesta segunda-feira (16) por policiais do 98º DP. Ele estava escondido em um hotel na capital paulista, onde foi preso.

Faça parte do grupo do Diário no WhatsApp e Telegram.
Mantenha-se bem informado.

Cupertino foi levado ao Instituto Médico Legal (IML), onde fez o exame de corpo de delito e depois foi para a Divisão de Capturas, no prédio do Departamento de Homicídios e Proteção à Pessoa (DHPP), no Centro de São Paulo. Ele ficará à disposição da Justiça.

Ao chegar ao prédio do DHPP, Cupertino negou os crimes. “Eu sou inocente. Não matei ninguém”.

Segundo o delegado da 6ª seccional, a equipe recebeu uma informação de que o foragido estaria na cidade se São Paulo. Eles foram checar e o encontraram, efetuando a prisão do mesmo.

Incluído na Difusão Vermelha da Interpol, Paulo Cupertino era o primeiro nome da lista dos criminosos mais perigosos e procurados de São Paulo.

De acordo com o Ministério Público (MP), o empresário assassinou a família porque tinha ciúmes do namoro de Isabela Tibcherani, a sua filha de 18 anos à época, com o artista. Vídeos gravados por câmeras de segurança mostram o momento em que ele atira 13 vezes em Rafael, que tinha 22 anos, e nos pais da vítima: João Alcisio Miguel, de 52, e a mãe Miriam Selma Miguel, 50.

O suspeito estava foragido desde então e chegou a mudar de nome para Manoel Machado da Silva para tentar fugir da polícia. Ele passou por cidades do interior paulista e até do Mato Grosso, onde trabalhou como cuidador de gado em uma fazenda.

 

Deixe a sua opinião

VEJA TAMBÉM

ÚLTIMAS

CORINTHIANS

Róger Guedes perde pênalti, e Corinthians decide vaga com Boca na Argentina

O Corinthians volta a campo no próximo sábado (2), às 16h30 (de Brasília), para medir forças com o Fluminense pela 15ª rodada do Campeonato Brasileiro

Mundo

Ao menos 51 pessoas são encontradas mortas em caminhão abandonado

Há suspeita de que as vítimas sejam imigrantes que entraram no país de maneira irregular

©2021 Diário do Litoral. Todos os Direitos Reservados.

Software