X
Polícia

Polícia prende suspeito de ameaçar funcionária grávida durante assalto em Mongaguá

Homem se escondia em Indaiatuba e foi recolhido com o auxílio de policiais civis da área

Homem é preso suspeito de ter assaltado um estabelecimento comercial no bairro Vila Nossa Senhora de Fátima, em Mongaguá / Divulgação/ Polícia Civil

Policiais da Delegacia Sede de Mongaguá e do 1º Distrito Policial, com apoio da equipe do 1º Distrito Policial de Indaiatuba, capturaram, no dia 10, no bairro Jardim Morada do Sol, na cidade de Indaiatuba, um homem suspeito de ter assaltado um estabelecimento comercial situado no bairro Vila Nossa Senhora de Fátima, em Mongaguá. Ele foi escoltado para a delegacia do município litorâneo na última terça-feira (16), onde permanecerá à disposição da Justiça.

Na ocasião, ocorrida no dia 29 de julho deste ano, o suspeito ingressou no estabelecimento comercial onde havia uma funcionária grávida e vários clientes na loja, e anunciou o assalto mediante ameaças enquanto portava uma arma de fogo. Ele conseguiu fugir do local após roubar R$ 2 mil em dinheiro vivo.

Faça parte do grupo do Diário no WhatsApp e Telegram.
Mantenha-se bem informado.

A equipe iniciou imediatamente as investigações de campo e, através do serviço de inteligência policial, conseguiu apurar a identidade do suspeito, bem como descobriram que ele poderia estar escondido em Indaiatuba. Na posse de fortes indícios apurados pela equipe, as autoridades representaram pela prisão temporária contra o suspeito, que foi deferida pelo Poder Judiciário.

Na última quarta-feira (10), a equipe se deslocou até a cidade de Indaiatuba e conseguiu localizar o esconderijo e prender o indivíduo com o auxílio de policiais civis da área.

Ele foi conduzido à citada unidade policial de Indaiatuba, a fim de elaborar o registro da captura, permanecendo na cadeia pública do 2º DP de Campinas até o começo da segunda quinzena de novembro.

Simulacro

No mesmo dia em que o suspeito de assalto foi levado à delegacia de Mongaguá, agentes da Sede do município apreenderam um simulacro de pistola e um aparelho celular produto de crime, durante diligências.

A equipe realizava ações de campo no bairro Jardim Praia Grande quando verificaram alguns homens em atitude suspeita. Ao perceberem a aproximação dos policiais, eles dispensaram algo no chão e adentraram um matagal. Os policiais localizaram um aparelho de telefone celular, que após pesquisas constou registro de extravio em 2019.

Em continuidade às diligências, os investigadores dirigiram-se ao bairro Balneário Triesse, e apuraram que ali poderia estar escondida arma de fogo. Durante buscas pelo local, a equipe conseguiu localizar um simulacro no interior de uma moita. Os policiais agora apuram a identidade dos indivíduos vistos com o aparelho roubado.

Deixe a sua opinião

VEJA TAMBÉM

ÚLTIMAS

Santos

Condomínio é multado em mais de R$ 4 mil após zelador despejar tinta e atingir canal de Santos

Funcionário foi identificado pelas câmeras do CCO ao descartar a substância na rede pluvial na Praça Washington, no José Menino

Emprego

Evento para quem busca oportunidade de trabalho acontece nesta terça-feira em São Vicente

'Giro de Profissões' é gratuito e aberto ao público, com palestras, orientações e encaminhamentos para colocação no mercado de trabalho

©2021 Diário do Litoral. Todos os Direitos Reservados.

Software