Polícia prende o criminoso mais procurado do Brasil

Luciano Castro é suspeito de ser autor e líder de quadrilhas que atuam em roubos contra empresas de transportes de valores e agências bancárias na região de Campinas

Comentar
Compartilhar
18 SET 2020Por Gazeta de S. Paulo11h45
"Zequinha" estava na lista dos criminosos mais procurados do BrasilFoto: Reprodução

Na manhã desta quinta-feira (17), a polícia prendeu o criminoso mais procurado do Brasil, Luciano Castro de Oliveira, conhecido por “Zequinha”. Ele estava em um sítio no município de Tejupá, no interior de São Paulo.

A ação contou com policiamento náutico para atravessar um rio, drones e várias viaturas, além de cães farejadores. Luciano Castro é suspeito de ser autor e líder de quadrilhas que atuam em roubos contra empresas de transportes de valores, agências bancárias e redes varejistas de eletroeletrônicos na região de Campinas.

Zequinha aparece na lista dos criminosos mais procurados do Brasil por crimes de roubos e associação criminosa.

De acordo com o Ministério da Justiça, ele foi condenado em 1992 por roubo ao BIC (Banco Comercial Industrial) em Campinas e libertado em 1994. Em 2005, foi detido por uso de nome falso e formação de quadrilha, mas foi solto logo em seguida. Em 2006, foi investigado pela tentativa de furto ao ABN Amro.