Polícia Federal prende traficante mexicano no Rio

A prisão, decretada pelo ministro do Supremo Tribunal Federal (STF), Marco Aurélio Mello, ocorreu quando o traficante tentava embarcar para o Ceará, no às 23h50, no Aeroporto Internacional do Rio de Janeiro

Comentar
Compartilhar
17 JUN 201410h50

A Polícia Federal (PF) prendeu na noite de ontem (16), no Rio de Janeiro, um traficante mexicano, de 49 anos, que estava sendo procurado por tráfico de metanfetaminas na cidade de Guadalajara, no México, e também pela justiça dos Estados Unidos. A prisão, decretada pelo ministro do Supremo Tribunal Federal (STF), Marco Aurélio Mello, ocorreu quando o traficante tentava embarcar para o Ceará, no às 23h50, no Aeroporto Internacional do Rio de Janeiro/Galeão - Antonio Carlos Jobim. Segundo a PF, ele tinha ingresso para assistir à partida entre Brasil e México, pelo Grupo A, hoje  (17), às 16h, no Castelão, em Fortaleza.

No Rio, o traficante se hospedou em um hotel da zona sul do Rio, junto com a mulher, um filho de 29 e outro de 17 anos. Segundo a Polícia Federal, a entrada no país foi no dia 11 deste mês, por via terrestre, vindo da Argentina. Como o nome dele estava na lista da Interpol, o governo dos Estados Unidos foi informado da presença de um procurado de justiça americana no Brasil e encaminhou um pedido de extradição ao STF.

O traficante vai ficar preso até o fim do processo de extradição no Supremo. Até o momento, a Polícia Federal não divulgou o nome dele.