Polícia Civil detém dupla acusada de vender drogas em frente a bar no Estuário

Campana durou cerca de uma hora; cápsulas e papelotes de cocaína foram apreendidos

Comentar
Compartilhar
28 JUN 2019Por Gilmar Alves Jr.16h10
O flagrante ocorreu durante a tarde de quarta-feira (26)Foto: Divulgação/Polícia Civil

Policiais civis prenderam na tarde de quarta-feira (26) dois estudantes, de 20 e 17 anos, sob a acusação de tráfico de drogas no Estuário, em Santos. O flagrante ocorreu em um bar na Rua Francisco de Paula Ribeiro, após uma campana de cerca de uma hora. Cápsulas e papelotes de cocaína foram apreendidos na ação, que fez parte da operação regional da Polícia Civil que deteve 397 pessoas em 24 horas. 

A campana nas proximidades do bar foi iniciada pelo investigador Leopoldo Grecco Lisboa, da Delegacia Seccional de Santos, que flagrou a dupla atendendo pessoas com condutas típicas da comercialização de drogas. 

A droga, conforme verificou o policial, era buscada sempre em um amontoado de telhas na Rua Constâncio Sampaio, perto do bar. 

Lisboa solicitou apoio e realizou a abordagem da dupla com o investigador Orlando Rollo, do 3º Distrito de Santos (Ponta da Praia). 

Os dois rapazes jogavam sinuca quando foram surpreendidos pela ação policial, feita sob o comando do investigador-chefe do 3º DP, Adriano de Mattos, e da delegada Milena Sapienza. 
Sob um boné, na mesa de sinuca, uma cápsula de cocaína e um papelote foram apreendidos. Já no amontoado de telhas, seis cápsulas e sete papelotes da droga foram recolhidos. 

Os detidos nada declaram sob os entorpecentes. 

O adulto foi autuado em flagrante por tráfico de drogas, sendo recolhido à cadeia, e o adolescente foi enquadrado pelo ato infracional de tráfico, sendo liberado ao avô mediante termo de compromisso para apresentação na Vara da Infância e da Juventude.

Colunas

Contraponto