Polícia Civil descobre laboratório de drogas e prende homem em Cubatão

O preso disse que recebia R$ 100,00 para cada R$ 1 mil faturado com a venda de entorpecentes

Comentar
Compartilhar
20 MAI 2016Por Gilmar Alves Jr.22h21
Os entorpecentes foram encontrados em uma incursão a pé na comunidade Jardim São MarcosOs entorpecentes foram encontrados em uma incursão a pé na comunidade Jardim São MarcosFoto: Divulgação

Um laboratório de drogas que era mantido em um barraco no Jardim São Marcos, em Cubatão, foi descoberto pela Polícia Civil, que prendeu um desempregado de 36 anos em flagrante por tráfico de drogas. Os policiais, da Delegacia de Investigações Gerais (DIG), apreenderam 1.960 cápsulas de cocaína, 310 pedras de crack, 30 porções de maconha e diversos materiais relacionados ao tráfico. O flagrante ocorreu na tarde de quinta-feira (19).

Sob o comando do delegado Luiz Ricardo Lara Dias Júnior e do investigador Paulo Carvalhal, os policiais foram até a comunidade em viatura descaracterizada e realizaram incursão a pé para surpreender o acusado, em trecho conhecido pela intensa comercialização de drogas.

Portando uma sacola com 39 porções de drogas, o desempregado admitiu a venda de drogas e disse que recebia R$ 100,00 para cada R$ 1 mil faturado com a venda de entorpecentes.

Questionado sobre o local onde as drogas eram guardadas, o acusado nada declarou por temer represálias de traficantes. Após intensiva busca, os investigadores encontraram o barraco.

Entre os materiais usados no preparo de cocaína apreendidos estão 14 frascos com cloridato de lidocaína (anestésico), cinco frascos de bromidrato de fenoterol (medicamento para doenças respiratórias), liquidificador e peneiras. Também houve a apreensão de duas balanças de precisão e embalagens para a comercialização das porções de drogas.

Após o flagrante ser registrado na DIG, o acusado foi recolhidos para a cadeia anexa ao 5º Distrito Policial de Santos (Bom Retiro).