Governo SP

PM é morto e cinco são baleados na Grande São Paulo

O PM estava de folga em frente a um mercado quando foi abordado por policiais civis a paisana em um carro

Comentar
Compartilhar
04 DEZ 201215h06

Um policial militar morreu e, pelo menos, cinco pessoas baleadas na Grande São Paulo, na noite de segunda-feira (3). Um dos baleados não resistiu aos ferimentos morreu.

O PM estava à paisana e foi morto por investigadores da Polícia Civil na rua na região do Grajaú, zona sul de São Paulo, por volta das 21h40. Ele foi levado ao pronto-socorro, mas não resistiu aos ferimentos.

De acordo com informações iniciais, o PM estava de folga diante de um mercado quando foi abordado por três policiais civis à paisana em uma Parati. Pensando que fosse um ataque, o PM teria sacado sua arma e iniciado uma troca de tiros.

Em Barueri, duas pessoas foram baleadas por volta das 19h. Os dois baleados foram levados ao pronto-socorro Jardim Silveira, onde um deles morreu.

Na zona leste de São Paulo, outra pessoa foi encontrada baleada no Jardim Helena, por volta das 23h. Ela foi levada ao pronto-socorro do Hospital Tide Setúbal.

Por volta das 23h30, uma pessoa foi encontrada baleada no Parque Continental, e a outra na avenida na região do Jardim Paraíso, em Guarulhos. Elas foram levadas ao Hospital Municipal de Urgência e no pronto atendimento do Jardim Paraíso.

Colunas

Contraponto