Operação Verão de Segurança permanece até o Carnaval em Guarujá

Policiais estão desde a última sexta-feira (28) para reforçar a segurança durante as férias.

Comentar
Compartilhar
03 JAN 201313h39

Desde a última sexta-feira (28), Guarujá conta com 400 policiais militares que foram designados à Cidade pela Secretaria Estadual da Segurança Pública. Os profissionais vêm ao Município para reforçar a segurança durante as férias. Os agentes vindos para a Operação Verão 2012 /2013 ficarão em Guarujá até o Carnaval.

Criada em 1996, a Operação Verão, segundo o comandante do 21º Batalhão BPMI, major PM Rivaldo Pereira, é muito positiva e diminui o número de ocorrências nesta época do ano, quando as cidades da Baixada Santista atingem um número de visitantes três vezes maior que o de seus habitantes.

“Um número maior de policiais nas ruas diminui o intervalo do patrulhamento entre uma viatura e outra, aumentando a presença dos agentes nos diversos bairros e vias da Cidade”, explica.

Os agentes vindos para a Operação Verão 2012 /2013 ficarão em Guarujá até o Carnaval. (Foto: Divulgação/ PMG)

No mesmo dia, após a apresentação e preleção, os agentes foram divididos e já foram assumindo seus postos de patrulhamento que permanecerão até o fim da Operação. De acordo com o secretário de Defesa e Convivência Social, Carlos Antonio da Silva, que durante a cerimônia de apresentação dos policiais, representou a prefeita Maria Antonieta de Brito, a Guarda Civil Municipal irá colaborar com todo o efetivo.

“Iremos orientar munícipes e turistas, cuidando dos próprios públicos e agindo preventivamente para evitar algum tipo de abuso que venha ocorrer”, conta Carlos Antônio.

Além dos policiais militares, foram enviados à Cidade agentes da Polícia Civil (dois delegados, cinco escrivães e quatro investigadores), além de destacamentos (que vem e voltam no fim do dia para suas sedes) da Polícia Rodoviária, o Canil, Cavalaria, ROTA, ROCAM, Grupamento Aéreo (Águia) e Resgate Corpo de Bombeiros.

Outro reforço enviado pelo Estado foi o de Guardas Vidas Temporários (GVTs), que estão atuando junto com os Guardas Vidas do Corpo de Bombeiros e dos 50 contratados.