Nova Lei Seca já prendeu 207 motoristas alcoolizados em SP

De 21 de dezembro a 1º de janeiro, 870 pessoas foram autuadas por embriaguez ao volante.

Comentar
Compartilhar
02 JAN 201316h19

Desde a mudança na Lei Seca, em 21 de dezembro do ano passado, a Polícia de São Paulo prendeu 207 motoristas que dirigiam sob efeito de álcool no Estado. Eles foram enquadrados no artigo 306 do Código de Trânsito Brasileiro (CTB): embriaguez ao volante. Houve ainda, até 1º de janeiro, 870 multas. Ao todo, 4.471 motoristas foram submetidos ao teste do bafômetro. "A polícia fez um bom trabalho para proteger a população", avalia o governador Geraldo Alckmin.

Com a nova Lei Seca, não é mais necessária a comprovação de embriaguez por exame de sangue ou teste do bafômetro. Basta que seja constatada "capacidade psicomotora alterada em razão da influência de álcool ou outra substância psicoativa que determine dependência". Também aumentou o valor da multa, de R$ 957,70 para R$ 1.915,40, dobrando em caso de reincidência.

Ao todo, 4.471 motoristas foram submetidos ao teste do bafômetro. (Foto: Divulgação)