Banner gripe

Mulheres são detidas por tentarem entrar em presídios com drogas e minicelulares

Os flagrantes ocorreram na Penitenciária II de São Vicente e no CPP de Mongaguá

Comentar
Compartilhar
16 OUT 2017Por Da Reportagem18h07
Minicelulares seriam introduzidos na Penitenciária II de São VicenteFoto: Divulgação/SAP

Três mulheres foram detidas no último final de semana por tentarem entrar com entorpecentes e dois minicelulares em dois presídios na Baixada Santista.

No sábado (14), segundo a assessoria de imprensa da Secretaria de Administração Penitenciária (SAP), uma jovem de 20 anos gerou alarme sonoro do detector de metais ao passar pelo portal eletrônico enquanto passava pela revista na Penitenciária II de São Vicente. Ela havia introduzido na genitália um invólucro que continha dois minicelulares.

No Centro de Progressão Penitenciária (CPP) de Mongaguá, ainda conforme a SAP, houve duas ocorrências. No sábado, uma mulher de 28 anos foi flagrada com um pacote na genitália enquanto passava pelo procedimento de revista. O embrulho continha 82 gramas de maconha. No domingo (15), a detida uma visitante de 36 anos também ser surpreendida com droga nas mesmas circunstâncias. Ela tentava entrar na unidade prisional com 150 gramas de maconha.

As três mulheres foram encaminhadas para delegacias e tiveram seus nomes suspensos do rol de visitas da SAP.

"As direções da Penitenciária II de São Vicente e do CPP de Mongaguá instauraram Procedimento Disciplinar Apuratório e conduziram os detentos que receberiam as visitas para cela disciplinar", informou a SAP.

Colunas

Contraponto