Mulher pega arma do marido, dá tiro para o alto e espanta ladrões em Mongaguá

Um dos assaltantes forçava portão e outro pulava o muro

Comentar
Compartilhar
28 OUT 2020Por Gilmar Alves Jr.18h25
Imagem ilustrativa de um revólver calibre 38 da marca Taurus, o mesmo usado pela vítimaFoto: Reprodução

Uma mulher de 33 anos evitou um assalto na casa onde mora, em Mongaguá, ao pegar a arma do marido e dar um tiro para o alto de sua sacada na noite desta terça-feira (27). Diante do disparo de advertência, às 20h55, dois ladrões não hesitaram e logo fugiram.

Policiais da Delegacia Sede de Mongaguá irão apurar a identidade dos criminosos.

A vítima acionou a Polícia Militar logo após a tentativa de roubo, mas quando a viatura chegou à residência, na Avenida Domingos de Lima, na Vila Divinópolis, os bandidos já tinham escapado.

Segundo relatou a moradora, a chegada dos bandidos foi descoberta quando o cão começou a latir sem parar. A filha dela foi até a entrada e viu um dos assaltantes forçando o portão para tentar invadir a residência.

A filha logo avisou a mãe, que foi à janela do quarto e viu um ladrão já pulando o muro. Ciente de que o marido havia esquecido seu revólver em casa, segundo afirma, a moradora pegou a arma, de calibre 38, foi até a sacada e efetuou o disparo.

O marido compareceu à Delegacia Sede de Mongaguá onde apresentou a documentação do revólver. A tentativa de roubo foi registrada pela equipe do delegado Francisco Wenceslau.