Idoso é encontrado morto com sinais de violência em Peruíbe

José Roberto Presti estava com um cinto e um lenço amarrados no pescoço

Comentar
Compartilhar
25 SET 2020Por Da Reportagem20h41
José Roberto Presti tinha 76 anosFoto: Reprodução

O aposentado José Roberto Presti, de 76 anos, foi encontrado morto na sala de jantar de sua casa, por volta das 13h40 desta quinta-feira (24), em Peruíbe. A vítima estava com um cinto e um lenço amarrados no pescoço. A polícia investiga o que teria motivado o crime. Ninguém foi preso.

A vizinha do idoso, uma faxineira de 34 anos, estranhou quando viu o portão da casa do idoso aberto, na região central da cidade. Por causa disso, ela resolveu entrar no imóvel e encontrou o aposentado caído, ao lado da mesa da sala de jantar. Ela acionou a Polícia Militar e o Samu (Serviço de Atendimento Móvel de Urgência), que constatou a morte.

Policiais militares verificaram que um lenço e um cinto estavam amarrados no pescoço dele. Além disso, um cadarço estava também amarrado no punho direito. "No braço esquerdo havia sinais de que o mesmo (vítima) teria sido amarrado" diz trecho de boletim de ocorrência.

O quarto de Presti, segundo relatado por PMs na delegacia, estava revirado, com pertences sobre a cama. Na garagem, policiais localizaram uma nota de R$ 50, caída atrás do carro da vítima. O veículo não tinha sinais de violação, de acordo com o registro policial. A carteira do aposentado foi localizada sobre a mesa da sala de jantar.

A vizinha afirmou, em depoimento, que o idoso costumava atender pessoas no portão de casa, ajudando-as. Porém, nunca viu o aposentado permitindo a entrada de desconhecidos na residência.

A ocorrência, registrada como homicídio, é investigada pela Polícia Civil de Peruíbe.

*Com informações da Folhapress