Idosa morre sufocada em assalto em SP

Dona de casa morreu durante roubo em sua residência

Comentar
Compartilhar
02 DEZ 201310h44

Uma idosa morreu na manhã do último sábado após um assalto à sua residência, na zona sul da capital paulista. Segundo a Secretaria Estadual da Segurança Pública (SSP), a dona de casa Satika Sawada, de 78 anos, morreu sufocada durante a ocorrência. A casa da vítima fica na Rua Saioa, no Ipiranga. O filho dela, um engenheiro de 52 anos, ficou ferido.

O engenheiro contou que estava dormindo em casa, com sua mãe, quando, por volta das 6h, a residência foi invadida por três desconhecidos. Um deles, conforme o relato do filho da vítima, estava armado com revólver. Outro assaltante estava com uma faca. Por cerca de 30 minutos, eles teriam ameaçado e praticado violência física contra Sawada e seu filho, que chegou a ser amarrado pelos ladrões.

Depois que os criminosos fugiram, o engenheiro teria conseguido se desamarrar e tentado reanimar a mãe, conforme orientações dadas por telefone por um funcionário do Samu, que chegou a enviar uma ambulância. A idosa, no entanto, morreu no local.

Em seu relato, a testemunha afirmou que os criminosos sempre se comunicavam por celular com outros comparsas. Ele teve a barriga riscada com uma faca durante o assalto. Os bandidos levaram a quantia aproximada de R$ 15 mil em espécie, além de um boné e um celular, informou a SSP.

Segundo o engenheiro, no dia anterior a casa já havia sido alvo de uma tentativa de invasão, que acabou não se concretizando. Uma perícia foi requisitada para o local, assim como um exame de corpo de delito para o filho da vítima. Ele também foi orientado a comparar ao 26º Distrito Policial (Sacomã) para uma tentativa de reconhecimento fotográfico de suspeitos do assalto.

Até a manhã de ontem, nenhum suspeito havia sido detido pela polícia.