Homens tentam fugir da polícia e atropelam duas mulheres em Guarujá

Vítimas foram socorridas pelo SAMU e não correm risco de morte

Comentar
Compartilhar
03 MAR 2021Por Da Reportagem09h20
Homem detido já tinha passagens pela polícia e carro estava cheio de entorpecentesHomem detido já tinha passagens pela polícia e carro estava cheio de entorpecentesFoto: Divulgação / Polícia Civil

Um grupo de quatro homens atropelou duas mulheres após eles terem tentato escapar de uma abordagem policial nesta terça-feira (2) em Guarujá. Os suspeitos trafegavam pelo bairro Santo Antônio, em Guarujá, quando avistaram uma viatura de uma equipe do 2º Batalhão de Ações Especiais de Polícia (BAEP) e decidiram acelerar o carro para tentar escapar dos agentes. Um dos indivíduos foi detido e as vítimas socorridas.

Segundo os policiais, eles realizavam patrulhamento de rotina pelo bairro Santo Antônio quando se depararam com um automóvel que havia sido adulterado com o uso de uma fita isolante preta. Ao perceber a aproximação das autoridades, o motorista acelerou o veículo e tentou empreender fuga pelas ruas do bairro. Durante a perseguição, o grupo de suspeitos atropelou uma bicicleta ocupada por duas mulheres e atingiram uma série de outros automóveis estacionados pelas ruas da região.

Em determinado momento, os homens pararam o carro em uma área próxima de um matagal, deixaram o automóvel e correram em direção à vegetação. Os policiais conseguiram alcançar um dos suspeitos e localizaram com ele um revólver calibre 32 com duas munições intactas e uma deflagrada. Já no porta malas do carro foram encontradas duas mochilas contendo 5,5 Kg de maconha.

As vítimas do atropelamento foram socorridas pelo Serviço de Atendimento Móvel de Urgência (SAMU) ao PAM Rodoviária, sendo que uma delas apresentava diversas fraturas, mas não corre risco de morte. Já a outra vítima apresenta escoriações pelo corpo.

O homem detido já possuía passagens pela polícia por roubo e furto. Ele foi conduzido ao Distrito Policial Sede de Guarujá, onde permaneceu preso em flagrante pelos crimes de tráfico de drogas, porte ilegal de arma de fogo, adulteração de identificação de automotor e lesão corporal na condução de veículo automotor.