Homem que se passava por funcionário do Samu é preso por tráfico em Praia Grande

Policiais da 1ª Delegacia da Deic apuraram que ele era o responsável por um depósito de drogas e ainda realizava a distribuição usando uma roupa de socorrista do SAMU, como forma de não despertar a atenção

Comentar
Compartilhar
27 NOV 2020Por Gilmar Alves Jr.17h29
O acusado disse que o macacão pertence a um parente que é funcionário do SamuFoto: Divulgação/Polícia Civil

Um homem conhecido pelo apelido de “Samu” e que se passava por funcionário do serviço de atendimento de urgência para tentar ocultar, segundo a polícia, sua condição de traficante de drogas, em Praia Grande, foi preso em flagrante no início da tarde desta quinta-feira (26) no Ocian. Na casa dele, na Rua Carlos Vanderline, policiais da 1ª Delegacia da Divisão Especializada de Investigações Criminais (Deic) regional apreenderam cocaína, nove mil cápsulas vazias e, ainda, um uniforme do Samu.

A equipe do delegado Luiz Ricardo de Lara Dias Júnior, titular da 1ª Delegacia, e do investigador-chefe, Paulo Carvalhal, apurou que o homem, de 43 anos, além de ser  responsável pelo depósito de drogas que mantinha em casa, ainda realizava a distribuição da cocaína em pontos de tráfico no município.

A abordagem de Samu ocorreu durante uma campana, enquanto investigadores o aguardavam em frente à residência, por volta das 12 horas. Assim que ele saiu da moradia em um Fiat Cronos furtado foi surpreendido pelos investigadores, que ao checarem a condição do veículo apuraram que a placa era falsa e descobriram a origem de furto pelo chassi.

Na sequência, segundo a polícia, ele franqueou entrada na residência, ao ser questionado sobre algo ilícito no local. Houve a apreensão de 80 gramas de cocaína, 330 gramas de pó branco usado para a mistura do tóxico, duas balanças de precisão, dois cadernos com anotações e um celular, bem como o uniforme e as milhares de cápsulas vazias.

Na 1ª Delegacia, Samu foi autuado em flagrante por tráfico de drogas, receptação e adulteração de sinal identificador de veículo automotor pelo delegado assistente Eduardo Lino de Souza.