Grupo formado por oito criminosos fere dois vigilantes a tiros em Guarujá

As vítimas realizavam a segurança relacionada a um trem quando foram vítimas do crime, na madrugada desta quarta-feira (24)

Comentar
Compartilhar
24 FEV 2021Por Gilmar Alves Jr.18h39
O caso foi registrado na Delegacia Sede de GuarujáO caso foi registrado na Delegacia Sede de GuarujáFoto: Arquivo/Diário do Litoral

Um grupo formado por oito criminosos feriu, a tiros, dois vigilantes que realizavam a segurança relacionada a um trem, no Jardim Santense, em Vicente de Carvalho, na madrugada desta quarta-feira (24). O caso é tratado pela Polícia Civil, inicialmente, como uma tentativa de execução e será apurado em inquérito no 2° DP de Guarujá.

Um dos vigilantes, de 28 anos, foi baleado na perna direita e no abdômen, enquanto o outro, de 47 anos, foi atingido na perna direita. O segundo ainda conseguiu revidar o ataque com um disparo de revólver.

Ambos foram socorridos para o Pronto-Socorro de Vicente de Carvalho, onde foram medicados e liberados para comparecerem à Delegacia Sede de Guarujá ainda na madrugada.

Os seguranças disseram à polícia que os oito criminosos, alguns usando bonés, chegaram gritando “perdeu, perdeu”, à 1h44, e consumaram o atentado. Após os disparos, o bando fugiu em direção à comunidade Prainha.

As vítimas chegaram a visualizar álbuns fotográficos na delegacia, mas não reconheceram nenhum dos atiradores.