Grella promete usar força contra tumulto em 'rolezinho'

"Não é função da polícia fazer a segurança nos shoppings. O papel dela é preservar a ordem. Mas se houver tumulto, ela vai aplicar a força policial", afimou

Comentar
Compartilhar
14 JAN 201420h42

O secretário estadual de Segurança Pública, Fernando Grella Vieira, afirmou que se houver tumulto nos shopping centers será aplicada "força policial", ao comentar os rolezinhos marcados para São Paulo nos próximos dias.

"Não é função da polícia fazer a segurança nos shoppings. O papel dela é preservar a ordem. Mas se houver tumulto, ela vai aplicar a força policial."

Rio

Ao comentar as ocupações de shoppings por grupos de jovens em São Paulo, o secretário de Segurança Pública do Rio de Janeiro, José Mariano Beltrame, afirmou que "rolezinho não é crime" e que a polícia não vai atuar de forma preventiva no encontro marcado para o próximo domingo no Shopping Leblon (zona sul), um dos mais sofisticados da cidade.

"Em primeiro lugar, rolezinho não é crime. É um fato que se dá dentro de uma instituição privada. Não vamos tomar nenhuma atitude em relação a isso. Vamos ficar somente atentos e, se a polícia for demandada, vai atuar", afirmou. "Não consiste em crime nenhum, não vamos tomar nenhuma atitude preventiva nesse sentido".

Fernando Grella prometeu usar a força contra tumulto em 'rolezinho' (Foto: Tiago Queiróz/Estadão Conteúdo)