Ex-assessor de Flávio Bolsonaro não era paciente, dizem hospitais de Atibaia

Em uma "live", o presidente Jair Bolsonaro disse que Queiroz estava em Atibaia porque fazia tratamento conta o câncer em um hospital nessa região

Comentar
Compartilhar
20 JUN 2020Por Estadão Conteúdo13h11
Flávio Bolsonaro e Queiroz.Foto: REPRODUÇÃO/INSTAGRAM

O Hospital Novo Atibaia afirmou, em nota, que Fabrício Queiroz não realizava tratamento contínuo no hospital. Entretanto, segundo a nota, o ex-assessor de Flávio Bolsonaro esteve no hospital para consultas em janeiro e abril deste ano, bem como para exames laboratoriais, em maio.

Outro hospital de Atibaia, o Albert Sabin, declarou que Queiroz não é um paciente da unidade. Pessoas que tiveram contato com Queiroz disseram que ele fez duas cirurgias na Santa Casa de Bragança Paulista, porém, o hospital não quis dizer se Queiroz realizava tratamento de câncer nele.

Em uma "live", o presidente Jair Bolsonaro disse que Queiroz estava em Atibaia porque fazia tratamento conta o câncer em um hospital nessa região.