Em Peruíbe, 31 internos escapam de unidade da Fundação Casa

De acordo com a assessoria de imprensa da Fundação Casa, o centro, que tem capacidade para 64 adolescentes, atendia em sua máxima capacidade no momento da fuga

Comentar
Compartilhar
05 NOV 201310h22

A Corregedoria Geral da Fundação Casa instaurou sindicância para apurar as circunstâncias da fuga de 31  adolescentes infratores na unidade de Peruíbe. Eles escaparam por volta de 20h30 do último domingo. A unidade fica na Estância Pérola Negra, próximo à Rodovia Padre Manoel da Nóbrega. 

De acordo com a assessoria de imprensa da Fundação Casa, o centro, que tem capacidade para 64 adolescentes, atendia em sua máxima capacidade no momento da fuga.

“Não houve servidores reféns e ninguém ficou ferido”, informou o órgão.

Buscas da Polícia Militar culminaram na recaptura de oito menores infratores. A Vara da Infância e da Juventude foi comunicada oficialmente sobre a ocorrência, ainda segundo a assessoria da Fundação Casa.

De acordo com a Fundação Casa, não houve servidores reféns e ninguém ficou ferido (Foto: Divulgação)

A sindicância ouvirá todos os servidores de plantão e os adolescentes que ficaram no centro. O prazo para finalizar a investigação é de até 90 dias.

Os jovens que foram recapturados passarão pela Comissão de Avaliação Disciplinar (CAD) do centro socioeducativo e poderão sofrer sanções disciplinares, que ainda serão definidas, finaliza a fundação.