Dupla de assaltantes faz mais uma vítima

Assaltos de “saidinha de banco” no Boqueirão, em Santos, se tornaram rotina. Idosa teve R$ 5,3 mil roubados ontem

Comentar
Compartilhar
28 JUN 201403h02

Uma idosa de 81 anos teve R$ 5,.3 mil roubados na manhã de ontem, na Rua Mato Grosso, no Boqueirão, em Santos. A vítima foi abordada por dois criminosos após sacar dinheiro em uma agência bancária situada na Avenida Conselheiro Nébias. Este é o terceiro caso noticiado pelo DL neste mês sobre assaltos de “saidinha de banco” no Boqueirão, após saques efetuados na mesma agência.

A Polícia Civil informou que os casos estão sob investigação. As apurações são realizadas pelo 7º Distrito Policial (Gonzaga), cuja área de circunscrição abrange o Boqueirão.

No mais recente assalto a vítima foi abordada por dois ladrões que vestiam uniformes de uma empresa de telecomunicações. Um dos assaltantes exibiu uma arma e exigiu que a idosa entregasse a quantia sacada na agência.

A vítima, que estava acompanhada do marido, resistiu em entregar a bolsa, que foi arrancada violentamente pelos ladrões. A dupla escapou em uma moto na direção da Avenida Washington Luis (Canal 3).

Vítimas relatam que os bandidos sempre exibem armas de fogo (Foto: Luiz Torres/DL)


Mais casos

No último dia 23, um pedreiro de 48 anos teve R$ 1,5 mil roubados logo após fazer saque bancário na Avenida Conselheiro Nébias.

A vítima afirmou à Polícia Civil que os autores do crime foram dois homens que estavam em duas motocicletas. Um dos ladrões exibiu uma pistola e exigiu que o pedreiro entregasse o dinheiro sacado na agência.

No último dia 4 a abordagem dos criminosos ocorreu na Rua Nabuco de Araújo. Uma jovem de 23 anos teve roubados R$ 1.100,00, um iPhone e um documento.

No plantão do 7º Distrito Policial (Gonzaga), a mulher contou que descontou três folhas de cheques – cuja soma foi R$ 800,00 – em uma agência bancária na Avenida Conselheiro Nébias. Após o procedimento bancário, a jovem caminhou até a Rua Nabuco de Araújo, onde os criminosos se aproximaram da vítima em duas motos e anunciaram o roubo. Um dos criminosos exibiu uma arma de fogo, enquanto o outro se apoderou dos pertences e do dinheiro que estava com a mulher.

Denúncias

Informações que ajudem a identificar e prender os criminosos envolvidos nos assaltos podem ser transmitidas pelos telefones 181 (Disque-Denúncia) ou 3284-3086. Não é necessário se identificar.